Busca avançada
Ano de início
Entree

GPR aplicado para mapear utilitários ao longo da rota da linha 4 (amarela) da construção do túnel do metro na Cidade de São Paulo, Brasil

Processo: 12/00603-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de março de 2012 - 31 de agosto de 2012
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Geofísica
Pesquisador responsável:Jorge Luís Porsani
Beneficiário:Jorge Luís Porsani
Instituição-sede: Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Geofísica aplicada  Brasil 

Resumo

O rápido desenvolvimento industrial e o crescimento populacional desordenado em grandes cidades trazem vários problemas urbanos devido ao uso intenso do espaço físico sobre e abaixo da superfície. Problemas de subsuperfície em áreas metropolitanas são causados pela construção de linhas de metro, que muitas vezes seguem as rotas das redes de serviços públicos, tais como cabos elétricos e de telefone, água e tubos de gás, esgotos, etc. Normalmente, os principais problemas estão relacionados a danos ou destruição de utilitários pre-existentes, muitas vezes colocando em risco vidas humanas. Com o objetivo de minimizar os riscos, perfis GPR com antenas de 200 MHz foram feitos em dois locais, ambos localizados no centro de São Paulo, Brasil. Os objetivos deste trabalho foram mapear utilitários ou infra-estrutura existente no subsolo, a fim de orientar a construção do túnel da Linha 4 (amarela) do metrô em São Paulo. Os perfis GPR detectaram canos de água, redes de serviços públicos no subsolo, e colunas fundação de concreto ou de pilares no subsolo até 2 m de profundidade. Além disso, os perfis GPR também forneceram detalhes das formas dos utilitários em subsuperfície. As interpretações GPR combinadas com as informações litológicas dos poços e trincheiras abertas nas áreas de estudos foram extremamente importantes no mapeamento da distribuição espacial correta dos utilitários enterrados nestes dois locais em São Paulo. Esta informação melhora e atualiza os mapas de utilitários no subsolo, serve como base para o planejamento da escavação geotécnica da Linha 4 (amarela) do túnel do metrô em São Paulo, ajuda a minimizar problemas relacionados à destruição de serviços públicos pré-existentes no subsolo e evita risco de acidentes perigosos. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PORSANI, JORGE LUIS; RUY, YANG BOO; RAMOS, FERNANDA PEREIRA; YAMANOUTH, GISELE R. B. GPR applied to mapping utilities along the route of the Line 4 (yellow) subway tunnel construction in Sao Paulo City, Brazil. JOURNAL OF APPLIED GEOPHYSICS, v. 80, p. 25-31, MAY 2012. Citações Web of Science: 22.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.