Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da concentração de CO2 e da idade da matriz no desenvolvimento embrionário de frangos de corte

Processo: 11/24058-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de abril de 2012 - 31 de março de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Produção Animal
Pesquisador responsável:Marcos Macari
Beneficiário:Marcos Macari
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Avicultura  Frangos de corte  Embriologia animal  Incubadoras 

Resumo

O presente trabalho será desenvolvido com o objetivo de avaliar os efeitos da concentração de CO2 e da idade de matriz durante o desenvolvimento embrionário de frangos de corte. Serão incubados 6.000 ovos, distribuídos em um delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial 2 X 3, ou seja, duas idades de matriz (40 e 59 semanas) e três concentrações de CO2 (controle, 10.000 ppm e 14.000 ppm) do 1º ao 10º dia do desenvolvimento embrionário, 0 - 240 horas de incubação e após permanecerão sob a concentração padrão até o momento da transferência. Serão avaliadas: 1) as características físicas do ovo (porosidade da casca, espessura da casca, perda de peso do ovo, gravidade específica e condutância); 2) os parâmetros de incubação (peso do ovo (g), período total de incubação (horas), eclodibilidade (%), bicagem externa da casca (EP, hora) e intervalo entre eclosão e EP (horas); 3) qualidade dos pintainhos (peso ao nascer (g), índice relativo de peso do pintainho (%), Atividade, penugem, olhos, umbigo, membrana remanescente, abdômen, pernas, canelas, e comprimento (cm), 4) parâmetros sanguíneos do embrião e do neonato (pressão parcial de dióxido de carbono (PaCO2), pressão parcial de oxigênio arterial (PaO2), pH arterial (pHa), hematócritos (HTC, %), hemoglobina (g/dL), volume corpuscular médio (MVC, ¼3)), contagem de células vermelhas (RBC) e bicarbonato (HCO3). Para o desempenho, 600 pintainhos machos com média de peso semelhante (±10%), com um dia de idade, serão distribuídos em um delineamento inteiramente casualizado, com seis tratamentos procedentes da incubação e cinco repetições de 20 aves cada. As aves serão distribuídas em câmaras climáticas, na temperatura termoneutra, no período de 1 a 42 dias de idade. Serão avaliados o consumo de ração (CR), o ganho de peso (GP), a conversão alimentar (CA= CR/GP) e a viabilidade criatória (VC = 100 - %mortalidade). Os dados serão analisados pelo procedimento GLM do programa SAS® e após o atendimento das pressuposições de homogeneidade e normalidade dos erros, e em caso de diferença significativa, as médias serão comparadas pelo teste de Tukey (5%).Palavras chaves: CO2, incubação, idade da matriz, desenvolvimento embrionário, frango de corte (AU)