Busca avançada
Ano de início
Entree

Teorias fortemente acopladas e a fenomenologia para o LHC

Resumo

A proposta do projeto é estudar teorias fortemente acopladas e explorar suas aplicações às extensões do Modelo Padrão (MP) que descrevam nova física na escala TeV. A motivação é dupla: temos motivos teóricos para esperar que física além do MP se manifeste nessa escala de energias, e essas escalas serão testadas experimentalmente no Large Hadron Collider (LHC) que já está em pleno funcionamento. O projeto propõe investigar teorias que explicam a hierarquia entre a massa de Planck MP e a escala eletrofraca. Particular atenção será dada aos modelos de Randall-Sundrum, inspirados na correspondência AdS/CFT (Anti-de Sitter / Conformal Field Theories), que nos motiva a estudar teorias fortemente acopladas em 4 dimensões, e seu mapeamento em teorias fracamente acopladas em 5 dimensões, com o objetivo de construir modelos de teorias fortemente acopladas na escala TeV. Esses modelos podem ser utilizados para explicar não só a quebra da simetria eletrofraca, senão também a estrutura de massas dos férmions. Será investigada a fenomenologia no LHC dos modelos a serem construídos e / ou estudados, usando simulações de Monte Carlo. Este tipo de modelo também nos permite estudar teorias fortemente acopladas em outras escalas, com aplicações no estudo da cromodinâmica quântica (QCD) e do espectro hadrônico. (AU)