Busca avançada
Ano de início
Entree

Fatores não-cognitivos, processo discursivo e materialidade linguística na produção em segunda língua: o caso da prática de escrita em espanhol por brasileiros

Resumo

O projeto tem dois objetivos interdependentes: um teórico e outro prático. 1) Estudar o alcance e as implicações teórico-metodológicas da concepção psicanalítica da subjetividade, em face do processo específico de aquisição de línguas. Aprofundar-se-á o estudo das noções de necessidade do aprendiz (Brindley, 1989) e da dimensão afetiva do ensino-aprendiz de L2 (Brown, 1987; Stern, 1993), tendo-se como referência as noções de ego, pré-consciente e inconsciente da teoria freudiana. 2) Elaborar uma proposta de práticas de produção escrita em espanhol para aprendizes falantes nativos de português de nível intermediário, em contexto de não imersão, resultante de um estudo com corpus experimental, operando-se com as noções de perfil de aprendiz (Coste, 1993) e language awareness (Hawkins, 1987), para verificar se uma proposta de exercitação de escrita em L2 articulando materialidade linguística e o processo discursivo, e que mobilize a subjetividade inconsciente do aprendiz, propicia, de fato, desenvolvimento melhor sucedido do processo de produção em língua alvo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)