Busca avançada
Ano de início
Entree

Fatores de crescimento dos fibroblastos (FGFs) na diferenciação do complexo cumulus-oócito bovino

Processo: 12/06417-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2012 - 31 de março de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:José Buratini Junior
Beneficiário:José Buratini Junior
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu, SP, Brasil
Assunto(s):Bovinos  Fibroblastos  Oócitos  Expressão gênica 

Resumo

Recentemente, demonstramos que fatores de crescimento dos fibroblastos (FGFs) expressos pelo oócito estimulam a expansão do cumulus e regulam a expressão de genes indutores deste processo. Como continuidade da linha de pesquisa, propõe-se inicialmente um conjunto de experimentos com foco aplicado, que objetiva investigar os efeitos dos FGFs 2, 10 e 17, da proteína morfogenética óssea 15 (BMP15) e da interação desses FGFs com a BMP15 sobre a maturação nuclear, expansão do cumulus, metabolismo energético, apoptose, produção de esteróides (estradiol e progesterona) e expressão de genes marcadores de competência para o desenvolvimento em COCs bovinos submetidos à maturação in vitro (MIV). Esses experimentos estão articulados com estudos em colaboração, que testarão os efeitos dos FGFs e de sua interação com a BMP15 sobre a produção de embriões bovinos in vitro. Paralelamente, propõe-se estudos com foco mais aprofundado nas funções fisiológicas dos FGFs 2, 10 e 17 e da BMP15. Para tanto, os efeitos desses FGFs, da BMP15 e da interação dos FGFs com a BMP15 sobre a expansão do cumulus, apoptose, produção de esteróides (estradiol e progesterona) e metabolismo energético serão testados em COCs bovinos "oocectomizados" por aspiração do conteúdo oocitário. Os efeitos dos tratamentos sobre a expressão de genes sabidamente envolvidos no controle dos parâmetros afetados serão analisados. A retirada do oócito visa abolir a influência de fatores secretados por ele no COC intacto, potencialmente capazes de confundir os efeitos dos tratamentos. Adicionalmente, para investigar se os FGFs podem de fato regular de forma parácrina ou autócrina a diferenciação do cumulus, as hipóteses de que o COC bovino secreta os FGFs 2, 10 e 17 e de que a secreção é regulada pelo FSH serão testadas. (AU)

Patente(s) depositada(s) como resultado deste projeto de pesquisa

Solicitação em análise e dentro do prazo legal de sigilo previsto na legislação PCT/BR2016/000019 - Universidade Estadual Paulista (UNESP) ; Università Degli Studi Di Milano (IT) . Solicitação em análise e dentro do prazo legal de sigilo previsto na legislação - 24 de fevereiro de 2016

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.