Busca avançada
Ano de início
Entree

Escalonamento de produção de mudas de banana em três modelos de biorreatores. Desafios de otimizar a consorciação de técnicas de micropropagação para o abastecimento de mudas sadias de banana com genética superior

Resumo

O objetivo inicial deste projeto, em sua primeira fase, apóia-se na avaliação da eficiência de três tipos de biorreatores quanto à tecnologia empregada: imersão temporária, borbulhamento e nebulização. Os equipamentos serão utilizados na micropropagação in vitro de bananas, em comparação ao procedimento tradicional. A avaliação da eficiência dos biorreatores será baseada nos seguintes critérios: desempenho operacional; redução na utilização de material biológico (meio de cultura); minimização de custos com infra-estrutura (energia elétrica em especial); taxa de multiplicação das mudas in vitro; e tempo médio de aclimatação, vigor e sanidade das mudas. Escolhido o biorreator mais eficiente, na fase 2 pretende-se estabelecer os protocolos de micropropagação que possibilitem a multiplicação de mudas acima da quinta repicagem, atualmente fator limitante permitido sem ocorrência de variação somaclonal. Serão instalados meristemas de vários clones de banana e realizada a indexação para vírus. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)