Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da morfo-fisiologia e atividade molecular do intestino médio de larvas de Diatraea saccharalis (Lepidoptera) parasitadas por Cotesia flavipes (Hymenoptera)

Processo: 06/60133-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa Primeiros Projetos
Vigência: 01 de maio de 2007 - 30 de abril de 2008
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Convênio/Acordo: CNPq - Programa Primeiros Projetos
Pesquisador responsável:Daniela de Oliveira Pinheiro
Beneficiário:Daniela de Oliveira Pinheiro
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Morfologia animal  Controle biológico  Intestino de animal  Larva  Diatraea saccharalis  Lepidoptera  Cotesia flavipes  Hymenoptera 

Resumo

Apesar do sucesso de C. flavipes no controle biológico de D. saccharalis, pouco se sabe acerca dos mecanismos de interação hospedeiro-parasitóide. Informações provenientes dessas interações permitirão o desenvolvimento de métodos biológicos alternativos ou a descoberta de sítios-alvo de ação para o controle de pragas. Vários processos fisiológicos manipulados pelo parasitóide envolvem regulação de eventos fisiológicos originados ou desencadeados pelo tubo digestivo. Além de ser responsável pela digestão e absorção de nutrientes, as células endócrinas (CE) liberam hormônios peptídeos que podem induzir ou inibir outros processos. Assim, a compreensão das alterações histopatológicas e moleculares, em especial do intestino médio (IM), são fundamentais na busca de moléculas ou processos metabólicos que levem ao desenvolvimento de novas estratégias no combate das pragas. Assim, os objetivos são: verificar alterações na expressão gênica do IM; identificar e caracterizar alterações morfológicas das CE do IM; verificar alterações na produção de hormônios peptídeos pelas CE. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.