Busca avançada
Ano de início
Entree

Interação das Escherichia coli enteropatogênica atípicas com diferentes celulares e animal

Processo: 06/60240-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa Primeiros Projetos
Vigência: 01 de maio de 2007 - 30 de abril de 2008
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Biologia e Fisiologia dos Microorganismos
Convênio/Acordo: CNPq - Programa Primeiros Projetos
Pesquisador responsável:Cecilia Mari Abe
Beneficiário:Cecilia Mari Abe
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Escherichia coli  Histopatologia animal  Diarreia infantil 

Resumo

O grupo de EPEC atípica tem sido descrito como causa de diarréia infantil em vários países, inclusive no Brasil. Assim como as amostras EHEC e EPEC típicas, este grupo de EPEC produz intimina, e secreta Tir e as proteínas Esps. No entanto, o mecanismo de regulação envéolvido, assim como as alterações resultantes do processo de infecção por EPEC atípica na interação bactéria-hospedeiro ainda não são conhecidos. Assim, este projeto devera caracterizar em nível fenotípico os principais mecanismos de virulência das EPEC atípicas. Mais especificamente, deverá investigar a interação patógeno-hospedeiro e a resposta das células hospedeiras à adesão das EPEC atípicas. Com este propósito, diferentes linhagens celulares (HEp-2, Caco-2, T84 e HT29) e fragmentos de biópsias intestinais serão infectadas com amostras de EPEC atípicas e as interações resultantes, analisadas por meio de microscopia de luz, confocal e eletrônica. Modelos animais para o estudo da infecção por EPEC atípica tambm deverão ser desenvolvidos com a utilização de diferentes linhagens de camundongos. (AU)