Busca avançada
Ano de início
Entree

Tratamento do transtorno depressivo maior pós acidente vascular cerebral com estimulação transcraniana por corrente contínua (ETCC): ensaio clínico, randomizado, duplo-cego

Processo: 11/22872-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2012 - 31 de agosto de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Alessandra Carvalho Goulart
Beneficiário:Alessandra Carvalho Goulart
Instituição-sede: Hospital Universitário (HU). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados: Alessandra Fernandes Baccaro ; Andre Russowsky Brunoni ; Leandro da Costa Lane Valiengo
Assunto(s):Acidente vascular cerebral  Epidemiologia  Depressão  Córtex cerebral 

Resumo

O acidente vascular cerebral (AVC) é um dos principais problemas de saúde pública na América Latina. Várias complicações neuropsiquiátricas, que englobam um amplo espectro de distúrbios emocionais e cognitivos, podem se manifestar após o AVC. Dentre estas, a depressão é uma das complicações mais comuns, afetando em torno de 5-72% dos pacientes. A depressão pós AVC associa-se a diversos déficits cognitivos e pode estar associada a um aumento da mortalidade de até 50%. O tratamento da depressão pós AVC é importante não apenas para melhora dos sintomas depressivos como também para déficits cognitivos, conseqüentemente melhorando as atividades básicas de vida diárias e a sobrevida desses pacientes. Há diferentes tratamentos para depressão pós AVC com ainda resultados inconclusivos até o momento. Apesar de alguns antidepressivos serem eficazes, a tolerabilidade e a aderência terapêutica são problemas importantes que acabam comprometendo a eficácia do tratamento. Neste contexto, a estimulação transcraniana por corrente contínua (ETCC) surge como opção de tratamento. A ETCC é uma técnica não-invasiva, inovadora que consiste na aplicação de uma corrente elétrica contínua de baixa intensidade no córtex cerebral via eletrodos implantados no couro cabeludo. A ETCC pode ser direcionada a áreas cerebrais relacionadas ao transtorno depressiva maior (TDM), como o córtex dorso-lateral pré-frontal esquerdo. Isto levaria, ao longo de semanas, a um aumento de neuroplasticidade ocasionando uma melhora ou reversão do quadro de TDM, como tem sido demonstrado em alguns estudos. O presente estudo propõe portanto investigar o efeito da ETCC no tratamento do transtorno depressivo maior pós AVC. O desenho proposto é um ensaio clínico, randomizado, duplo-cego, placebo-controle em uma sub-amostra dos participantes da coorte prospectiva de AVC: o Estudo EMMA (Estudo da Mortalidade e Morbidade do AVC). No presente estudo serão analisados 48 pacientes com depressão pós AVC, os quais serão randomizados para um dos grupos: grupo "sham" (ou seja, estimulação "simulada", análogo ao placebo) ou grupo ETCC ativo por dez dias consecutivos. Os participantes retornarão após duas semanas para avaliação da melhora da depressão, cognição e funcionalidade. O desfecho primário será medido pela mudança nos escores de depressão. Como desfechos secundários, verificaremos taxa de melhora cognitiva e funcional através de testes neuropsicológicos e de marcadores biológicos associados à depressão, como o cortisol e o Fator Neurotrófico Derivado Do Cérebro (BDNF), interleucinas 6 e 18. Esperamos que os resultados originados desse estudo contribuam de forma significativa para o tratamento da depressão pás AVC, além de fomentar futuros estudos no campo da neuromodulação e neuropsiquiatria. (AU)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VALIENGO, LEANDRO C. L.; GOULART, ALESSANDRA C.; DE OLIVEIRA, JANAINA F.; BENSENOR, ISABELA M.; LOTUFO, PAULO A.; BRUNONI, ANDRE R. Transcranial direct current stimulation for the treatment of post-stroke depression: results from a randomised, sham-controlled, double-blinded trial. JOURNAL OF NEUROLOGY NEUROSURGERY AND PSYCHIATRY, v. 88, n. 2, p. 170-175, FEB 2017. Citações Web of Science: 18.
GOULART, ALESSANDRA CARVALHO. ``EMMA Study: a Brazilian community-based cohort study of stroke mortality and morbidity{''}. São Paulo Medical Journal, v. 134, n. 6, p. 543-554, NOV-DEC 2016. Citações Web of Science: 1.
VALIENGO, LEANDRO; CASATI, ROBERTA; BOLOGNINI, NADIA; LOTUFO, PAULO A.; BENSENOR, ISABELA M.; GOULART, ALESSANDRA C.; BRUNONI, ANDRE R. Transcranial direct current stimulation for the treatment of post-stroke depression in aphasic patients: a case series. NEUROCASE, v. 22, n. 2, p. 225-228, MAR 3 2016. Citações Web of Science: 6.
ALESSANDRA CARVALHO GOULART. "EMMA Study: a Brazilian community-based cohort study of stroke mortality and morbidity". São Paulo Medical Journal, v. 134, n. 6, p. -, Dez. 2016.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.