Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento e avaliação de materiais a base de sericina e alginato para aplicação na área ambiental

Processo: 11/51824-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2012 - 31 de agosto de 2014
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química
Pesquisador responsável:Meuris Gurgel Carlos da Silva
Beneficiário:Meuris Gurgel Carlos da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Química (FEQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Biomateriais  Sericina  Alginatos  Tecnologia ambiental  Absorção  Metais pesados 

Resumo

A sericina é uma proteína globular, rica em serina, ácido aspártico, glicina e treonina, que é obtida de casulos do bicho da seda (Bombyx mori). O alto conteúdo de serina confere a este material uma grande capacidade de absorção de água. Esta propriedade possibilita a utilização da sericina em diversos materiais tais como: membranas perm-seletivas para separação de líquidos aquosos contendo componentes orgânicos (ex. etanol-água), hidrogéis, cremes umectantes, etc. Atualmente existe uma grande quantidade de sericina dos casulos produzidos no Brasil que é descartada principalmente em efluente líquidos e em menor proporção como resíduos sólidos (casulos de segunda classe ou qualidade inadequada para fiação), representando um impacto ambiental negativo. Essa proteína pode ser recuperada e aproveitada a partir de desenvolvimento de metodologia adequada, aportando benefício econômico e social. As tecnologias e conhecimentos para o desenvolvimento deste projeto envolverá duas etapas distintas. A primeira que focará estudos de condições experimentais de extração física da sericina de casulos e a conseqüente separação e fracionamento do extrato para a obtenção de sericina com elevada massa molecular. Na segunda etapa, a sericina obtida será utilizada no preparo de micropartículas de sólidos de estrutura porosa por gotejamento, a partir de sericina reticulada com DMU e por processos de recobrimento de microesferas de alginato comercial. Essas micropartículas serão testadas para remoção de metais pesados e, além disso, investigadas para possível incorporação de fármacos. A eficiência e a qualidade de diferentes metodologias serão avaliadas considerando a adequação das propostas de aplicação dos novos biomateriais obtidos à base de sericina e alginato. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE ANDRADE, JULIA RESENDE; CARLOS DA SILVA, MEURIS GURGEL; GIMENES, MARCELINO LUIZ; ADEODATO VIEIRA, MELISSA GURGEL. Bioadsorption of trivalent and hexavalent chromium from aqueous solutions by sericin-alginate particles produced from Bombyx mori cocoons. Environmental Science and Pollution Research, v. 25, n. 26, p. 25967-25982, SEP 2018. Citações Web of Science: 4.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SILVA, Meuris Gurgel Carlos da. Desenvolvimento e avaliação de partículas à base de blendas entre sericina e alginato para aplicação ambiental. 2016. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Química.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Patente(s) depositada(s) como resultado deste projeto de pesquisa

PROCESSO DE OBTENÇÃO DE PARTÍCULAS ADSORVENTES, PARTÍCULAS ADSORVENTES E SEU USO BR1020170182754 - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) . Melissa Gurgel Adeodato Vieira; Marcelino Luiz Gimenes; Meuris Gurgel Carlos da Silva; Thiago Lopes da Silva - 25 de agosto de 2007