Busca avançada
Ano de início
Entree

Cintilografia de perfusão miocárdica com PET: bases clínicas para elaboração de gerador de estrôncio/rubídio-82 no Brasil

Processo: 10/51100-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2012 - 30 de setembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Radiologia Médica
Pesquisador responsável:José Claudio Meneghetti
Beneficiário:José Claudio Meneghetti
Instituição-sede: Instituto do Coração Professor Euryclides de Jesus Zerbini (INCOR). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Tomografia por emissão de pósitrons e tomografia computadorizada  Imagem de perfusão do miocárdio  Radioisótopos de rubídio  Testes de função cardíaca  Débito cardíaco  Isquemia miocárdica 

Resumo

O Brasil não utiliza a técnica de perfusão miocárdica com Rubídio-82 através do PET-CT. O custo do gerador é de $30.000 e a meia vida do radisótopo de 76 segundos. A técnica é superior a do SPECT em termos de sensibilidade e especificidade além de fornecer dados absolutos sobre débito coronário, reserva coronária, fração de ejeção, motilidade e espessamento miocárdico em apenas meia hora para o estresse e repouso. A Radiofarmácia do IPEN foi reformulada graças a um projeto FAPESP e tem condições de desenvolver o gerador de Rubídio a custo Brasil. O InCor remeteria o gerador após 1 mês de uso para o IPEN, com a finalidade de seu estudo e desenvolvimento nacional. O Brasil possui sistemas PET-CT nas principais cidades da maioria dos estados. Atualmente contamos com 30 aparelhos para atuar na área de oncologia, neurologia e cardiologia. A área de cardiologia ainda não foi desenvolvida devido ao preço e indisponibilidade do material radioativo. Nosso projeto prevê a contemplação de 06 geradores, durante 1 ano, realização de 500 estudos perfusionais de repouso e estresse, relação custo efetividade onde, ao fim do estudo clínico o IPEN passaria a produzir os geradores a custos nacionais. Para infusão controlada no paciente é necessário uma bomba injetora cujo custo é de $70.000 que seria utilizada para produzir aparelhos semelhantes pela bioengenharia do IPEN para fornecimento nacional. O Serviço de Informática da Instituição desenvolveria softwares para avaliação funcional do ventrículo esquerdo e para medir reserva coronária. O IPEN seria parceiro da FAPESP no desenvolvimento dessa pesquisa e iria colaborar com compra de outros geradores de rubídio-82. Esse estudo coloca o centro universitário da USP e IPEN/CNEN na qualidade de avaliador da metodologia e seus resultados, que, reproduzindo dados internacionais ainda colocaria o Brasil como detentor de tecnologia e a produção nacional de Rubídio. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GIORGI, MARIA CLEMENTINA; MENEGHETTI, JOSE CLAUDIO; SOARES, JR., JOSE; IZAKI, MARISA; FALCAO, ANDREA; IMADA, RODRIGO; CHALELA, WILLIAM; DE OLIVEIRA, MARCO ANTONIO; NOMURA, CESAR; VERBERNE, HEIN J. Left ventricular function in response to dipyridamole stress: head-to-head comparison between (82)Rubidium PET and Tc-99m-sestamibi SPECT ECG-gated myocardial perfusion imaging. EUROPEAN JOURNAL OF NUCLEAR MEDICINE AND MOLECULAR IMAGING, v. 44, n. 5, p. 876-885, MAY 2017. Citações Web of Science: 2.
FALCAO, ANDREA; CHALELA, WILLIAM; GIORGI, MARIA CLEMENTINA; IMADA, RODRIGO; SOARES, JR., JOSE; DO VAL, RENATA; OLIVEIRA, MARCO ANTONIO; IZAKI, MARISA; KALIL FILHO, ROBERTO; MENEGHETTI, JOSE C. Myocardial blood flow assessment with (82)rubidium-PET imaging in patients with left bundle branch block. Clinics, v. 70, n. 11, p. 726-732, 2015. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.