Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do PDGF-BB na taxa de proliferação e na adesão de células derivadas da granulação óssea a fragmentos radiculares

Resumo

O objetivo deste estudo é investigar o papel do fator de crescimento derivado de plaquetas-BB (PDGF-BB) na proliferação e taxa de adesão de células derivadas de granulação óssea de seres humanos em cultura primária a fragmentos radiculares periodontalmente comprometidos. Serão selecionados 4 pacientes saudáveis sistemicamente, de ambos os sexos, que apresentem indicação de tratamento periodontal por meio da técnica do enxerto ósseo em neoformação (EON). Decorridos 21 dias da criação dos alvéolos cirúrgicos, será coletada pequena amostra de tecido de granulação da região média do alvéolo para estabelecimento de cultura primária de granulação óssea. Após o estabelecimento e caracterização imunohistoquímica das células cultivadas, os efeitos da adição de PDGF-BB recombinante humano na concentração de 300ng/ml na taxa de proliferação e adesão de células derivadas da granulação óssea a superfícies radiculares periodontalmente comprometidas. A taxa de proliferação celular estimulada pelo PDGF-BB (grupo teste) ou pelo meio de cultura (grupo controle negativo) será investigada por meio de contagem de células viáveis nos frascos de cultura após 1, 3, 5 e 7 dias do cultivo celular. Posteriormente, serão coletados 15 dentes extraídos por razões periodontais, os quais serão separados ao meio no sentido do longo-eixo. As coroas e porções apicais dos dentes extraídos serão removidas, resultando em 30 fragmentos radiculares que serão divididos em 2 grupos: teste (n=15)- adição de 300ng/ml de PDGF-BB ao meio de cultura; controle (n=15)- meio de cultura constituído de DMEM, FBS a 10% e solução antibiótica a 1%. Os fragmentos serão raspados manualmente com curetas Gracey, aplicando-se sobre cada fragmento 20 golpes de curetas, e posteriormente tratados com solução em gel de EDTA a 24% durante 3 minutos, sendo em seguida vigorosamente lavados com solução de soro fisiológico. Os dentes serão então secos com jato de ar, esterilizados e posicionados em placas de 24 poços. Serão então incubadas 104 células derivadas da granulação óssea sobre os fragmentos em cada um dos poços, onde permanecerão incubadas por 24 horas. O material será então fixado e preparado para análise por microscopia eletrônica de varredura. As fotomicrografias obtidas serão analisadas por dois investigadores cegos para contagem do número de células aderidas aos fragmentos radiculares. Os resultados obtidos serão analisados estatisticamente por meio de teste t paramétrico. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PASSANEZI SANT'ANA, ADRIANA CAMPOS; DAMANTE, CARLA ANDREOTTI; FRIAS MARTINEZ, MARIA ALEJANDRA; MEDINA VALDIVIA, MARIA ALEJANDRA; HAGE KARAM, PAULA STEFINIA; DE OLIVEIRA, FLAVIA AMADEU; DE OLIVEIRA, RODRIGO CARDOSO; GASPAROTO, THAIS HELENA; CAMPANELLI, ANA PAULA; RAGGHIANTI ZANGRANDO, MARIANA SCHUTZER; RUBO DE REZENDE, MARIA LUCIA; AGUIAR GREGHI, SEBASTIAO LUIZ; PASSANEZI, EULOIR. Isolation and characterization of progenitor cells from surgically created early healing alveolar defects in humans: A preliminary study. Journal of Periodontology, v. 89, n. 11, p. 1326-1333, NOV 2018. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.