Busca avançada
Ano de início
Entree

Utilização de raças adaptadas e sintéticas no cruzamento de bovinos para produção de animais precoces com enfoque na qualidade de carne

Processo: 12/18238-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2012 - 30 de novembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Produção Animal
Pesquisador responsável:Hirasilva Borba
Beneficiário:Hirasilva Borba
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Cruzamento animal  Bovinocultura de corte  Carne bovina  Qualidade da carne  Colágeno  Força de cisalhamento da carne 

Resumo

O trabalho será desenvolvido na Embrapa Pecuária Sudeste, São Carlos, SP e no Laboratório de Produtos de Origem Animal, pertencente a FCAV/Unesp, Campus de Jaboticabal, SP. Serão utilizados 108 bovinos (machos castrados e fêmeas) de nove grupos genéticos provenientes do acasalamento de vacas: Nelore, ½ Angus + ½ Nelore e ½ Senepol + ½ Nelore com touros das raças Canchim, Bonsmara e Brangus. Os animais serão terminados em confinamento em baias individuais recebendo uma dieta com 13,1% de proteína bruta e 71,0% de nutrientes digestíveis totais, até atingirem o peso de abate de 18@ para os machos e 16@ para as fêmeas, o consumo será monitorado diariamente através do peso das sobras. O abate será realizado em frigorífico comercial seguindo a rotina de abate do mesmo. Após o rigor mortis serão realizadas as determinações das características de carcaça e amostras dos músculos longíssimus dorsi (entre a 12ª e 13ª costelas) e tríceps brachii serão coletados para a realização das análises. As amostras serão submetidas a diferentes períodos de maturação (0, 7 e 14 dias). Após o período de maturação determinado para cada tratamento serão realizadas as análises de cor, pH, grau de marmoreio, capacidade de retenção de água, perda de peso por cozimento, força de cisalhamento e oxidação lipídica, colágeno, comprimento de sarcômeros, índice de fragmentação miofibrilar, perfil de ácidos graxos. O delineamento experimental será inteiramente casualizado com arranjo fatorial 9 x 2 x 3 ( 9 cruzamentos x 2 sexos x 3 períodos de maturação). Os dados serão submetidos à análise de variância e regressão e as médias comparadas pelo teste Tukey com 5% de significância. Para as análises estatísticas utilizar-se-á o Programa Computacional SAS (2001). (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.