Busca avançada
Ano de início
Entree

Sistema de comunicação óptica sem fio

Processo: 02/08092-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de março de 2004 - 30 de setembro de 2008
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Telecomunicações
Pesquisador responsável:Elso Luiz Rigon
Beneficiário:Elso Luiz Rigon
Empresa:Fiberwork Comunicações Ópticas Ltda
Município: Campinas
Bolsa(s) vinculada(s):06/60807-1 - FSO - sistema de comunicação óptica sem fibra, BP.TT
06/58996-0 - FSO - sistema de comunicação óptica sem fibra, BP.TT
06/57139-7 - FSO - sistema de comunicação óptica sem fibra, BP.TT
+ mais bolsas vinculadas 06/56941-4 - FSO - sistema de comunicação óptica sem fibra, BP.TT
06/55259-5 - Cerca optica - sistema de seguranca de alta confiabilidade., BP.TT
06/53262-9 - FSO - sistema de comunicação óptica sem fibra, BP.TT
04/13830-2 - FSO - sistema de comunicação óptica sem fibra, BP.TT
06/50436-6 - FSO - sistema de comunicação óptica sem fibra - processo 02/08092-7 rfms - sistema de monitoramento remoto de redes de fibras ópticas, BP.TT
04/13245-2 - Comunicação óptica sem fibra - FSO, BP.TT
04/16051-4 - Comunicação óptica sem fibra, BP.TT
04/13247-5 - FSO - sistema de comunicação óptica sem fibra, BP.TT
04/10593-0 - FBGTI: caracterizador de Grades de Bragg em fibra óptica, BP.TT
04/04413-9 - FSO - sistema de comunicação óptica sem fibra, BP.TT
03/11679-2 - FSO: sistema de comunicação óptica sem fio, BP.PIPE - menos bolsas vinculadas
Assunto(s):Wireless 

Resumo

O objetivo deste projeto é desenvolver no Brasil sistemas de comunicação óptica sem fibra. Serão construídos sistemas de comunicação para aplicação em redes de acesso de telecomunicações, redes backhaul de telefonia celular, interconexão entre LAN's empresariais e provedores de acesso de internet. O sistema operará com taxa de transmissão de 2 megabits por segundo (Mb/s), na janela de 1.550 nm, com alcance de 500 metros (fase 1 do projeto) até 4 quilômetros, com disponibilidade de 98%. Futuramente, sistemas de taxas mais altas, como 8 Mb/s e 34 Mb/s serão desenvolvidos. A tecnologia Free Space Optics (FSO), ou comunicação óptica sem fibra, está crescendo e deverá ocupar uma posição de destaque nos próximos anos, ao transformar-se na principal alternativa de acesso faixa larga em ambientes metropolitanos. Provavelmente superará sistemas de rádio e, em muitas situações, a fibra óptica. Os sistemas FSO de mais altas taxas são mais competitivos hoje em dia, pois a alternativa seria a fibra, que é muito mais cara e envolve licenças e riscos altos de instalação. Sistemas FSO de baixas taxas também podem encontrar sucesso semelhante. Nesse caso, desbancariam os sistemas de acesso de rádio. É nesse nicho que a FiberWork pretende inserir-se ao propor este projeto de desenvolvimento tecnológico. A taxa de 2 Mb/s (E 1) foi escolhida para o produto inicial em face da demanda do mercado. (AU)