Busca avançada
Ano de início
Entree

Fungos micorrízicos arbusculares: desenvolvimento da tecnologia de produção e aplicação como inoculantes

Processo: 12/50396-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de fevereiro de 2013 - 31 de outubro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Marcos Roberto Bellini
Beneficiário:Marcos Roberto Bellini
Empresa:Agromic Pesquisa, Produção e Comércio de Insumos Biológicos Ltda
Município: Piracicaba
Auxílios(s) vinculado(s):13/50915-5 - Fungos micorrízicos arbusculares: desenvolvimento da tecnologia de produção e aplicação como inoculante, AP.PIPE
Bolsa(s) vinculada(s):13/01703-5 - Fungos micorrízicos arbusculares: desenvolvimento da tecnologia de produção e aplicação como inoculante, BP.PIPE
Assunto(s):Fungos micorrízicos  Fertilizantes biológicos  Inoculantes agrícolas 

Resumo

O uso contínuo de fertilizantes químicos na agricultura tem causado uma série de implicações ambientais como a contaminação das águas. Uma excelente alternativa é utilização dos Fungos Micorrízicos Arbusculares (FMA). A associação simbiótica entre as raízes das plantas e estes fungos é chamada de Micorriza Arbuscular (MA) ou endomicorriza. As vantagens da utilização dos FMA são: maximização na absorção de água diminuindo custos com irrigação, aumento do aproveitamento de nutrientes fixados no solo (plantas mais desenvolvidas), proteção do sistema radicular contra algumas doenças, evita a degradação dos solos e contribui para a regeneração dos mesmos. Trata-se de uma tecnologia "limpa" e de baixo custo. A produção comercial de FMA é muito comum em vários países, mas no Brasil restringe-se apenas em pequenas unidades experimentais mantidas por instituições e universidades. A empresa AGROMIC almeja introduzir no mercado brasileiro um conceito ecologicamente correto e eficiente, tendo a aceitação pelo produtor. O mercado de atuação dos FMA é extremamente amplo, pois as espécies mantidas pela empresa poderão ser utilizadas em vários tipos de culturas. O objetivo é implantar um eficiente sistema de produção comercial de FMA em um substrato sólido adequado, que funcionará como ótimo veículo de propagação destes fungos, visando maior eficiência na produção com menor custo. Primeiramente, serão testados em uma pequena escala 4 tipos de substratos diferentes: argila expandia, bagaço-de-cana, Sphagnum sp. e vermiculita. O substrato mais eficiente será utilizado na implantação de um sistema de produção comercial de FMA. Com estes resultados, espera-se que a AGROMIC aperfeiçoe sua tecnologia e aumente sua produção (25 a 30 esporos de FMA/grama) para 100 esporos de FMA/grama de substrato. A superação destes desafios será importantíssimo para a implantação de um sistema que funcionará como "reservatório" de inóculos eficientes mantidos em condições naturais. Ao final da FASE 1, a AGROMIC submeterá a proposta complementar para a FASE 2 que tornará o trabalho bem mais completo. Na FASE 2, a AGROMIC traçará desafios como a otimização da produção, com meta para atingir 1000 esporos/ml de solução aquosa, através do desenvolvimento de um biorreator e um sistema por aeroponia para a produção comercial de FMA. (AU)