Busca avançada
Ano de início
Entree

Teoria do romance: ética, alteridade e política nas jovens nações emancipadas

Processo: 12/19417-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Vigência: 08 de maio de 2013 - 24 de maio de 2013
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Teoria Literária
Pesquisador responsável:Marcelo Pen Parreira
Beneficiário:Marcelo Pen Parreira
Pesquisador visitante: Dorothy J. Hale
Inst. do pesquisador visitante: University of California, Berkeley (UC Berkeley), Estados Unidos
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Romance  Alteridade  Ética (filosofia) 

Resumo

O projeto "Teoria do romance: ética, alteridade e política nas jovens nações emancipadas", de vocação interdepartamental, mas conduzido e organizado pelo Departamento de Teoria Literária e Literatura Comparada (DTLLC) da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH-USP), visa a fomentar a discussão em torno da teoria do romance, tanto de ênfase formal quanto social, vista a partir dos ângulos brasileiro e norte-americano. A contribuição de Dorothy Hale, especialista em Henry James e na teoria do romance, com vários artigos, livros e uma coletânea publicados sobre o tema, focará naturalmente em James, como figura fundamental para a teoria do romance norte-americana no século XX. Ela procurará mostrar por que a ficção e a crítica do autor tornaram-se pedra-de-toque com relação a todas as mais relevantes escolas teóricas nos Estados Unidos. Enquanto explora a importância de James para o formalismo, o estruturalismo, a narratologia, a psicanálise, o desconstrutivismo e a política de identidade, entre outras, Hale investigará o modo como essas abordagens teóricas privilegiam, implícita explicitamente, o romance como gênero literário. De modo mais específico, a pesquisadora quer mostrar de que modo o romance jamesiano serve de protótipo para cada uma dessas correntes críticas quanto à configuração mais geral sobre o romance é ou deveria ser. Entre os outros tópicos a serem discutidos estão a conversão do romance anglo-americano em forma de arte; o valor atribuído à autonomia do personagem; a noção do autor implícito e o problema da ambiguidade jamesiana; a estrutura da narrativa como forma de epistemologia moderna; a politização da técnica narrativa; a representação da sexualidade e do gênero, e a violência da significação. Hale pretende sondar a influência de James sobre a produção ficcional a partir de leituras de As I Lay Dying (1930), de William Faulkner, e Their Eyes Were Watching God (1937), de Zora Neale Hurston. A ficção do autor incluirá "The Figure in the Carpet" (1896), The Turn of the Screw (1898, 1908), What Maisie Knew (1897, 1908) e "The Beast in the Jungle" (1903). A discussão concluirá com considerações sobre a influência de James no desenvolvimento da teoria da New Ethics no atual momento contemporâneo.Tentamos montar um plano de trabalho capaz de extrair o maior benefício possível com a visita da pesquisadora. Neste sentido planejamos aulas, palestras e reuniões que se darão resumidamente da seguinte forma:*Encontros com os professores e com os alunos do programa de pós-graduação em Teoria Literária e Literatura Comparada; *Participação no curso de pós-graduação "Teoria do Romance: perspectivas brasileira e norte-americana", de 09/05 a 23/05/2013. O curso, organizado pelo DTLLC, será ministrado durante o primeiro semestre de 2013 pelos professores Ana Paula Pacheco, Edu Teruki, Joaquim Alves de Aguiar, Maria Augusta Fonseca, Marcelo Pen Parreira (DTLLC), Sandra Guardini Teixeira Vasconcelos (Departamento de Letras Modernas/DLM) e José Pasta Júnior (Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas/DLCV); *Aula aberta - "Da visão à voz: William Faulkner, As I Lay Dying - no dia 20/05. Esta aula será feita com tradução simultânea e será destinada também aos alunos de graduação. *Palestra no Laboratório de Estudos do Romance (LERo), coordenado pela professora Sandra Guardini Vasconcelos (DLM). Artigos e entrevista a serem publicados pelo Departamento também estão fazem parte de nossos planos. (AU)