Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo do polimorfismo molecular do sistema Rh e sua participação nos processos de aloimunização e destruição imune dos glóbulos vermelhos

Processo: 12/50927-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de janeiro de 2013 - 30 de abril de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunogenética
Convênio/Acordo: CONICET
Pesquisador responsável:Lilian Maria de Castilho
Beneficiário:Lilian Maria de Castilho
Pesq. responsável no exterior: Carlos Miguel Cotorruelo
Instituição no exterior: Universidad Nacional de Rosario (UNR), Argentina
Instituição-sede: Centro de Hematologia e Hemoterapia (HEMOCENTRO). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:12/04651-3 - Segurança transfusional e resposta imune a antígenos eritrocitários em pacientes portadores de anemia falciforme, AP.R
Assunto(s):Aloimunização  Sistema do grupo sanguíneo Rh-Hr  Polimorfismo genético  Eritrócitos 

Resumo

O Sistema Rh é altamente complexo com um número elevado de antígenos e variantes e é de grande interesse na medicina transfusional e materno-fetal devido ao seu envolvimento na aloimunização eritrocitária e destruição imune dos glóbulos vermelhos. A identificação de fenótipos com expressão alterada do antígeno RhD é de fundamental importância na prática transfusional e materno-fetal para garantir a transfusão segura e a administração eficiente da Imunoglobulina Rh. No entanto, o grande número de variantes RhD descritas e a variabilidade nos padrões de reatividade dos antissoros comerciais utilizados na tipagem RhD são fatores que limitam a aplicação de métodos sorológicos e, portanto métodos moleculares tem sido utilizados para melhor caracterização dessas variantes. Apesar de já terem sido descritos muitos polimorfismos responsáveis por alterações do antígeno RhD em populações européias, acreditamos que novas mutações ainda serão encontradas em outras populações.Com um melhor entendimento dos mecanismos moleculares envolvidos na expressão do antígeno RhD, será possível predizer quais indivíduos fenotipicamente RhD negativos poderão ser seguramente transfundidos com hemácias RhD positivas. Isto será de grande aplicação clínica para os pacientes politransfundidos e que apresentam múltiplos anticorpos. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LUCIANA CAYRES SCHMIDT; LILIAN CASTILHO; OTAVIO VINICIUS NEVES VIEIRA; EMÍLIA SIPPERT; ANE CAROLINE GASPARDI; MARINA LOBATO MARTINS; MARIA CLARA FERNANDES DA SILVA MALTA. Impact of a confirmatory RhD test on the correct serologic typing of blood donors. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia, v. 37, n. 5, p. -, Out. 2015.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.