Busca avançada
Ano de início
Entree

Detection of hantavirus in bats from remaining rain forest in Sao Paulo, Brazil

Processo: 12/23792-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de março de 2013 - 31 de agosto de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia
Pesquisador responsável:Jansen de Araujo
Beneficiário:Jansen de Araujo
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Virologia  Brasil  Hantavirus 

Resumo

A biodiversidade significativa encontrada no Brasil é um potencial para o surgimento de novas zoonoses. Estudo em alguns lugares do mundo sugerem a presença de hantavírus em tecidos de morcegos. Pesquisas de hantavírus no Brasil, fora roedores selvagens, são escassas. Decidimos investigar em tecidos de diferentes espécies de animais silvestres capturados na mesma região onde roedores foram positivas para o vírus. O presente trabalho analisou 91animais roedores (64, 19 e 8 gambás, morcegos) a partir de uma região de Floresta Atlântica em Biritiba Mirim, Estado de São Paulo, Brasil. Pulmões e rins foram utilizado para extração de RNAs. As amostras foram testadas para a evidência de infecção por hantavírus por real-time RT-PCR baseado em SYBR Green. Dezesseis amostras positivas foram encontradas entre os roedores silvestres, morcegos e gambás. A detecção de hantavírus no pulmões e rins de três espécies de marsupiais (Micoureus paraguayanus, Monodelphis Ihering, e Didelphis aurita), bem como em duas espécies de morcegos (Diphylla ecaudata e Anoura caudifer) é de grande importância porque estes novos hospedeiros poderão representar um reservatório de vírus importante. conclusõesA análise das sequências de nucleótidos do segmento parcial S revelou queesses genes eram mais relacionados com as cepas de vírus Araraquara. Este trabalho reforça a importância de estudar hantavírus em diferentes espécies animais e a realização de uma vigilância contínua será importnate antes que este vírus se espalhe em novos hospedeiros gerando sérios problemas de saúde pública.Palavras-chaveHantavírus; roedores silvestres; morcegos; floresta tropical remanescente, Brasil (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.