Busca avançada
Ano de início
Entree

A telenovela nas relações comunicação e consumo: diálogos Brasil e Portugal

Processo: 12/22489-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Livros no Brasil
Vigência: 01 de junho de 2013 - 31 de maio de 2014
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Comunicação
Pesquisador responsável:Marcia Perencin Tondato
Beneficiário:Marcia Perencin Tondato
Instituição-sede: Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Telenovela  Consumo  Perfil de consumo  Publicações de divulgação científica  Livros 

Resumo

A investigação, base desta publicação, comparou as publicidades portuguesa e brasileira veiculadas no prime-time, em canais de televisão de sinal aberto, em cada um dos países. Objetivou-se verificar as diferenças existentes entre os produtos anunciados, as características das peças publicitárias direcionadas às mulheres e, muito particularmente, o protagonismo de atrizes de telenovelas neste cenário discursivo, como pista para o conhecimento dos processos de identificação e rejeição de valores e comportamentos sociais explícitos ou implícitos nas personagens vividas pelas atrizes, o que colabora para a formulação das representações sociais dos sujeitos da pesquisa. A pesquisa buscou aproximar-se das identidades das mulheres brasileiras e portuguesas, suas interseções e diferenças; desenhar os traços que mais influenciam na recepção não só das mensagens publicitárias. A partir desses traços foram analisados os percursos de ressignificação e suas relações com as práticas culturais, conjunto de aspectos que conformam a recepção. METODOLOGIA: foram utilizadas múltiplas estratégias metodológicas que possibilitaram tratar a produção, distribuição e recepção (consumo) dos produtos midiáticos. A Análise de Discurso (francesa) foi um dos suportes. Partiu-se do pólo da produção, analisou-se sua distribuição para só então chegar-se à recepção ou consumo. O protocolo metodológico incluiu: escolha dos canais; definição do horário; período de coleta; definição da amostra; elaboração e aplicação de questionários e de um amplo mapa de consumo cultural e grupos focais. O livro está organizado em capítulos segundo as diferentes fases da pesquisa realizada, a saber: (Capítulo 1) Um panorama da intersecção comunicação e consumo; (Capitulo 2) Televisão no prime-time - Brasil-Portugal, Publicidade brasileira e portuguesa no prime-time, Recepção feminina do prime-time - Brasil-Portugal; (Capítulo 3) Ficção Televisiva no prime-time português e brasileiro, Representação feminina na telenovela e o perfil do consumidor, O consumo inserido nas telenovelas Duas Caras (Rede Globo) e A Outra (TVI): semelhanças e diferenças culturais. (AU)