Busca avançada
Ano de início
Entree

Síntese de resinas alquídicas utilizando óleo de semente de seringueira de alta biodisponibilidade

Processo: 04/14466-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de janeiro de 2006 - 31 de julho de 2011
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Tecnologia Química
Pesquisador responsável:Icaro Sampaio Paulino
Beneficiário:Icaro Sampaio Paulino
Empresa:ISP Oil Indústria, Comércio e Tecnologia em Óleos Vegetais e Resinas Ltda
Município: Campinas
Auxílios(s) vinculado(s):11/51151-3 - Aplicação industrial de novas matérias-primas oleaginosas para o seguimento de nutrição animal, tintas e cosméticos, AP.PIPE3
11/52003-8 - Aplicação industrial de novas matérias-primas oleaginosas para o seguimento de nutrição animal, tintas e cosméticos, AP.PIPE3
Bolsa(s) vinculada(s):09/10849-8 - Estudo das propriedades físico-químicas do óleo de semente de seringueira, BP.TT
05/56759-9 - Síntese de resinas alquídicas utilizando óleo de semente de seringueira de alta biodisponibilidade, BP.PIPE
Assunto(s):Ácidos graxos  Óleos vegetais  Polimerização  Sementes  Seringueira 

Resumo

Devido a grande demanda atual de óleos e gorduras, torna-se necessário buscar novas alternativas de matérias-primas provenientes de plantas nativas pouco exploradas. Neste sentido, a exploração da semente de seringueira tem se mostrado viável para a produção de óleo vegetal. A semente de seringueira contém uma quantidade média de 43% de óleo de boa qualidade para uso industrial, apresentando um elevado teor de ácidos graxos insaturados (~ 80%). O alto grau de insaturação torna o óleo da semente de seringueira suscetível à auto-oxidação e polimerização, resultando na formação de ligações cruzadas e filmes resistentes quando o óleo é exposto ao ar. Estas propriedades fazem do óleo de semente de seringueira um potencial substituto do óleo de linhaça na formulação de uma ampla gama de produtos industriais, principalmente no segmento de tintas, vernizez e resinas alquídicas. O objetivo principal do projeto é a utilização de uma fonte de matéria-prima renovável e de alta biodisponibilidade no Brasil, principalmente no Estado de São Paulo, que não está sendo utilizada até o momento. Neste projeto, estamos propondo a extração de um óleo a partir de semente de seringueira, que será utilizado na formulação de resinas alquídicas. A extração e utilização deste óleo levaria a produtos com alto valor agregado e de competitividade internacional. O desenvolvimento deste projeto no Estado de São Paulo proporcionaria aplicações para a grande produção de sementes de seringueira e conduziria à investigação de amplas possibilidades de utilização desta matéria-prima. O projeto colaboraria para a diversificação de uma das indústrias de base do país, a de óleos vegetais, levando ao desenvolvimento de inovações tecnológicas que integrariam diferentes setores agroindustriais nacionais. Adicionalmente, este projeto possibilitaria uma forte interação entre pesquisadores do ambiente acadêmico com um projeto de inovação tecnológica e de impacto comercial e social (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.