Busca avançada
Ano de início
Entree

RTI - 2011 - Adequação dos laboratórios de pesquisa: serviços de instalações elétricas

Processo: 11/51891-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Reserva Técnica para Infra-estrutura Institucional de Pesquisa
Vigência: 01 de março de 2012 - 31 de julho de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Marco Antonio Zago
Beneficiário:Marco Antonio Zago
Instituição-sede: Hemocentro de Ribeirão Preto. Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP (HCMRP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Células-tronco  Terapia baseada em transplante de células e tecidos  Hematologia 

Resumo

O Hemocentro de Ribeirão Preto apresenta 2550 m² destinados a pesquisa e é dividido em 2 áreas principais. Área 1: prédio central e bloco A, organizada em laboratórios de pesquisa, entre eles, a) laboratório de biologia molecular que realiza estudos de expressão gênica de células-tronco e de indivíduos portadores de HTLV; b) laboratório de citometria de fluxo oferecem suporte para as pesquisas com células-tronco realizando a caracterização imunofenotípica das mesmas, e também é responsável pelos exames de monitoramento das subpopulações linfocitárias de pacientes portadores de HIV; c) laboratório de biologia e cultura celular que desenvolve pesquisas de células-tronco murinas em estudos com modelos animais; d) laboratório de transferência gênica, onde são realizados estudos de modificação gênica de células-tronco e produção dos fatores recombinantes VIII e IX da coagulação sanguínea; e) laboratório de clonagem celular o qual realiza estudos de caracterização do transcriptoma de diferentes populações de células-tronco. Também engloba a área administrativa e de apoio técnico. Área 2: Biocentro composto pelo laboratório de Terapia Celular o qual desenvolve pesquisas com células-tronco é responsável por estudos clínicos de expansão de células-tronco mesenquimais para o tratamento de pacientes portadores de GVHD, bem como, o laboratório de citogenética responsável pela caracterização do perfil citogenético das células-tronco em culturas e de pacientes portadores de mieloma múltiplo. Esta proposta visa adequar a área de pesquisa com a realização de serviços de instalações elétricas para finalização da construção do laboratório de estudos experimentais em animais geneticamente modificados que serão utilizados nas pesquisas desenvolvidas no Centro de Terapia Celular. (AU)