Busca avançada
Ano de início
Entree

HidroRisco: tecnologias de gestão de riscos aplicadas a sistemas de suprimento hídrico e de energia elétrica

Processo: 08/58508-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de setembro de 2009 - 31 de agosto de 2014
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Civil - Engenharia Hidráulica
Pesquisador responsável:Paulo Sérgio Franco Barbosa
Beneficiário:Paulo Sérgio Franco Barbosa
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo (FEC). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesquisadores principais:Mario Thadeu Leme de Barros
Bolsa(s) vinculada(s):13/03432-9 - Otimização estocástica a usinas individualizadas do planejamento da operação do sistema hidrotérmico brasileiro, BE.PQ
12/11292-0 - Metodologia para avaliação de segurança do modelo alocação de unidades geradoras considerando restrições AC, BE.PQ
10/15787-8 - Reavaliação do risco envolvido com os volumes de regularização do SIN, BP.IC
Assunto(s):Distribuição de energia elétrica  Distribuição de água 

Resumo

O Brasil tem uma ampla base de sistemas de suprimento hídrico, atendendo a múltiplas finalidades. Dentre essas, duas finalidades se diferenciam pela sua natureza fundamental à continuidade das atividades produtivas na sociedade moderna: o suprimento hídrico para abastecimento urbano e o suprimento de energia elétrica, fortemente dependentes do insumo hidrológico no Brasil. A despeito da relevância estratégica, não se pode admitir que houvesse fundamentação científica suficientemente desenvolvida para embasar a tomada de decisão dos gestores diante de situações de risco de suprimento, especialmente quanto ao melhor momento e às melhores opções para a gestão da oferta e da demanda sob situações de eventos críticos de seca. Muitas das tecnologias hoje em uso nos setores hídrico e energético foram desenvolvidas na década de 70, quando as cidades eram de menor porte e o país não dispunha de um sistema hidroenergético tão complexo como o atual. As consequências de eventuais crises de suprimento tinham implicações mais moderadas. A situação atual é completamente oposta, ensejando novas tecnologias de análise e gestão de riscos. O projeto ora proposto visa desenvolver a base conceitual e metodológica da gestão de riscos, revendo criticamente a forma com que tais conceitos vêm sendo aplicados aos sistemas de suprimento hídrico e de energia elétrica. Adicionalmente, serão propostos avanços metodológicos na gestão de riscos dos sistemas sob investigação, com base na pesquisa a ser realizada, incluindo o aporte de inovações advindas da interlocução internacional e, fazendo uso de sistemas de suporte à decisão já desenvolvida em pesquisas anteriores pela equipe proponente. Acredita-se que o projeto tem grande potencial para ampliar a base técnico-científica visando à promoção da melhoria da segurança hídrica e energética do país. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Modelo matemático auxilia a planejar operação de reservatórios de água 
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.