Busca avançada
Ano de início
Entree

Políticas públicas de inclusão: contribuições do método fenomenológico para a compreensão de processos inclusivos

Processo: 12/50681-1
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2013 - 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Tópicos Específicos de Educação
Pesquisador responsável:Edileine Vieira Machado da Silva
Beneficiário:Edileine Vieira Machado da Silva
Instituição Sede: Pró-Reitoria de Pós-Graduação. Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas (UniFMU). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Políticas públicas  Inclusão escolar  Interação professor aluno  Fenomenologia (filosofia) 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Espaco Inclusivo | Fenomenologia | Politicas Publicas De Educacao | Politicas Publicas De Inclusao | Processos Inclusivos | Relacao Professor Aluno

Resumo

Essa pesquisa tem por objetivo evidenciar possível contribuição da Fenomenologia para as Políticas Públicas de Educação. Investigações desenvolvidas pela pesquisadora evidenciaram movimentos inclusivos de pessoas preocupadas e comprometidas com a causa, todavia, não dão conta do processo inclusivo em sua totalidade, por falta da adesão daqueles que compõem a estrutura e a cultura da escola e, ainda, da própria pessoa que se quer incluir e que não fora consultada. Evidenciam, ainda, os referencias teóricos, geralmente disponíveis, que consideram o ser humano como objeto da ação dos professores, gestores, orientadores, não levando em conta a totalidade do ser humano como sujeito. Outras vezes, no caso do educador, muitas vezes é ele quem primeiro precisa ser incluído. Hipótese: Supõe-se que compreendendo o método fenomenológico, esse é o caminho para a formação do sujeito inclusivo, por possibilitar a compreensão de processos inclusivos, mais especificamente o ponto de partida: conhecimento gnosiológico, ontológico e psicológico das pessoas envolvidas. Objeto: o método fenomenológico. Objetivos: - desenvolver pesquisa bibliográfica sobre a fenomenologia: estudar Husserl, Edith Stein, Ales Bello para a compreensão da fenomenologia; coletar alguns casos de processos inclusivos; aplicar o método de redução eidética para a compreensão dos processos inclusivos coletados; analisar os processos coletados; evidenciar a possível contribuição da fenomenologia para as políticas públicas de inclusão. Procedimento Metodológico: Pesquisa bibliográfica e de campo de natureza fenomenológica. Espera-se com essa pesquisa, demonstrar como Fenomenologia pode contribuir para a melhor compreensão da inclusão, pois procura levar em conta todas as dimensões dos processos de conhecimento. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
VIEIRA MACHADO, EDILEINE; DENARI, FATIMA ELISABETH. PHENOMENOLOGY: A WAY TO COMPREHEND INCLUSIVE PROCESSES. REVISTA IBERO-AMERICANA DE ESTUDOS EM EDUCACAO, v. 15, n. 1, p. 900-914, . (12/50681-1)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.