Busca avançada
Ano de início
Entree

Biodiversidade dos metazoários parasitos das espécies de peixes dominantes do Rio Batalha, médio Rio Tietê, SP, Brasil

Resumo

O Brasil é o quinto maior país do mundo e apresenta a maior diversidade de espécies dentre todos os países megadiversos, contribuindo com cerca de 14% da biota mundial. Atualmente, a biodiversidade dos ecossistemas marinhos e dulcícolas da América Latina tem sido ameaçada, principalmente por problemas ambientais, resultando na degradação dos ecossistemas, um exemplo é o rio Batalha, que pertence à Bacia Hidrográfica do Médio-Tietê, percorre cerca de 167 quilômetros e é o responsável pelo abastecimento de água para 45% da população bauruense. Sua nascente está localizada na Serra da Jacutinga (Agudos-SP) desaguando no rio Tietê. A má utilização e ocupação do solo por atividades desenvolvidas em sua área de drenagem (monocultura, reflorestamento e pecuária) têm reduzido a mata nativa e ripícola, desencadeando alterações da qualidade de suas águas e exposição das áreas das nascentes a crescentes processos de erosão de áreas terrestres adjacentes ao rio, que conduzem ao assoreamento de seu leito, além da poluição das suas águas. Sob outra óptica, os parasitos de peixes têm sido apontados como excelentes modelos para estudos de ecologia parasitária e bioindicadores ambientais, considerando o fato que as características do ecossistema aquático, e em especial, as físico-químicas da água influenciam a composição e estruturas das comunidades parasitárias. Desta forma, o principal objetivo deste projeto será diagnosticar qualitativamente e quantitativamente as comunidades parasitárias de seis espécies de peixes em dois pontos do rio Batalha, um rio de grande importância para a cidade de Bauru e outras regiões, que apresentam características limnológicas diferenciadas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (12)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PELEGRINI, LARISSA S.; LEITE, LUCAS A. R.; GIAO, THAYANA; BUENO, REGIANE M. R.; SERRANO, THAISSA D.; DA SILVA, REINALDO J.; DA AZEVEDO, RODNEY K.; ABDALLAH, VANESSA D. Diversity, similarity, and host-parasite relationships in parasitic infracommunities of Hypostomus spp. from the Tiete-Batalha river basin, southeastern Brazil. Studies on Neotropical Fauna and Environment, JAN 2021. Citações Web of Science: 0.
PELEGRINI, LARISSA SBEGHEN; MIRANDOLA DIAS VIEIRA, DIEGO HENRIQUE; ROSA LEITE, LUCAS APARECIDO; GIAO, THAYANA; DE AZEVEDO, RODNEY KOZLOWISKI; ABDALLAH, VANESSA DORO. PARASITE DIVERSITY OF Hoplosternum littorale FROM THE TIETE-BATALHA RIVER BASIN, SOUTHEASTERN BRAZIL. BOLETIM DO INSTITUTO DE PESCA, v. 47, 2021. Citações Web of Science: 0.
LUCAS APARECIDO ROSA LEITE; LARISSA SBEGHEN PELEGRINI; RODNEY KOZLOWISKI DE AZEVEDO; VANESSA DORO ABDALLAH. A new species of Tereancistrum (Monogenea: Dactylogyridae), parasite of Prochilodus lineatus (Characiformes: Prochilodontidae) from southeast Brazil. Revista Brasileira de Parasitologia Veterinária, v. 29, n. 2, p. -, 2020. Citações Web of Science: 0.
THAYANA GIÃO; LARISSA S. PELEGRINI; RODNEY K. DE AZEVEDO; VANESSA D. ABDALLAH. Biodiversity of parasites found in the trahira, Hoplias malabaricus (Bloch, 1794), collected in the Batalha River, Tiete-Batalha drainage basin, SP, Brazil. Anais da Academia Brasileira de Ciências, v. 92, n. 2, p. -, 2020. Citações Web of Science: 0.
PELEGRINI, LARISSA SBEGHEN; GIAO, THAYANA; MIRANDOLA DIAS VIEIRA, DIEGO HENRIQUE; MULLER, MARIA ISABEL; DA SILVA, REINALDO JOSE; PEREZ-PONCE DE LEON, GERARDO; DE AZEVEDO, RODNEY KOZLOWISKI; ABDALLAH, VANESSA DORO. Molecular and morphological characterization of the metacercariae of two species of diplostomid trematodes (Platyhelminthes, Digenea) in freshwater fishes of the Batalha River, Brazil. Parasitology Research, v. 118, n. 7, p. 2169-2182, JUL 2019. Citações Web of Science: 0.
FELIPE F. JANUÁRIO; THAYANA GIÃO; RODNEY K. DE AZEVEDO; VANESSA D. ABDALLAH. Helminth parasites of Cichla ocellaris Bloch & Schneider, 1801 collected in the Jacaré-Pepira River, São Paulo state, Brazil. Anais da Academia Brasileira de Ciências, v. 91, n. 2 2019-05-13.
JANUARIO, FELIPE F.; GIAO, THAYANA; DE AZEVEDO, RODNEY K.; ABDALLAH, VANESSA D. Helminth parasites of Cichla ocellaris Bloch & Schneider, 1801 collected in the Jacare-Pepira River, Sao Paulo state, Brazil. Anais da Academia Brasileira de Ciências, v. 91, n. 2 2019. Citações Web of Science: 0.
DIAS, KARINA G. A.; MULLER, MARIA I.; DE ALMEIDA, ALINE C.; DA SILVA, REINALDO J.; DE AZEVEDO, RODNEY K.; PEREZ-PONCE DE LEON, GERARDO; ABDALLAH, VANESSA D. A new species of Wallinia Pearse, 1920 (Digenea: Allocreadiidae) collected from Astyanax fasciatus (Cuvier, 1819) and A-lacustris Lucena and Soares, 2016 (Characiformes: Characidae) in Brazil based on morphology and DNA sequences. Parasitology Research, v. 117, n. 9, p. 2847-2854, SEP 2018. Citações Web of Science: 3.
NEGRELLI, D. C.; ABDALLAH, V. D.; AZEVEDO, R. K. Metazoan parasites of the lambari Astyanax altiparanae collected in the Batalha River, State of Sao Paulo, Brazil. Brazilian Journal of Biology, v. 78, n. 3, p. 535-539, AUG 2018. Citações Web of Science: 0.
LEITE, LUCAS A. R.; PEDRO, NATACHA H. O.; DE AZEVEDO, RODNEY K.; KINOSHITA, ANGELA; GENNARI, ROSELI F.; WATANABE, SHIGUEO; ABDALLAH, VANESSA D. Contracaecum sp parasitizing Acestrorhynchus lacustris as a bioindicator for metal pollution in the Batalha River, southeast Brazil. Science of The Total Environment, v. 575, p. 836-840, JAN 1 2017. Citações Web of Science: 4.
D. C. NEGRELLI; V. D. ABDALLAH; R. K. AZEVEDO. Metazoários parasitos do lambari Astyanax altiparanae coletados no rio Batalha, estado de São Paulo, Brasil. Brazilian Journal of Biology, v. 78, n. 3, p. 535-539, 2017-11-13.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.