Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação das características epidemiológicas e genéticas associadas à bronquiolite viral aguda grave

Processo: 12/05458-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de junho de 2013 - 31 de maio de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Jose Dirceu Ribeiro
Beneficiário:Jose Dirceu Ribeiro
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Pesq. associados: Alfonso Eduardo Alvarez Bragunde ; Carmen Sílvia Bertuzzo ; Clarice Weis Arns ; Fernando Augusto de Lima Marson
Assunto(s):Clínica médica  Virologia  Genética médica  Bronquiolite  Vírus sinciciais respiratórios  Polimorfismo genético 

Resumo

A Bronquiolite Viral Aguda (BVA) pelo Vírus Sincicial Respiratório (VSR) é a principal infecção das vias aéreas inferiores em crianças menores de 2 anos de idade no mundo e a principal causa de internação nessa faixa etária em países desenvolvidos. Nos Estados Unidos praticamente 100% das crianças são infectadas pelo VSR até os 2 a 3 anos de idade e ocorrem nesse país de 3000 a 4000 mortes por ano devido a essa doença. A infecção pelo VSR tem grande variabilidade em relação à gravidade de sua apresentação, suas manifestações clínicas vão desde sintomas leves de infecção em vias aéreas superiores até bronquiolite com necessidade de internação em unidade de terapia intensiva, ventilação mecânica e óbito. Estudos recentes evidenciaram que existem fatores epidemiológicos associados com a maior gravidade, principalmente prematuridade, tabagismo passivo, baixa idade, ausência de aleitamento materno, doença pulmonar crônica e cardiopatia congênita. Outros estudos tem investigado a associação de polimorfismos nos genes da resposta imune inata com a evolução desfavorável, principalmente os dos genes dos receptores Toll-like, RANTES, do receptor de vitamina D, JUN, IFNA5 E NOS2. No Brasil, estudos associando fatores epidemiológicos com a gravidade da BVA e a identificação dos vírus que levam a essa doença são escassos, além de e não existirem estudos sobre a associação da gravidade com fatores genéticos. O objetivo deste estudo é identificar em nossa população quais são os fatores epidemiológicos e genéticos associados com a maior gravidade da BVA, além de identificar quais são os vírus responsáveis por essa doença em nossa meio. Serão avaliados os pacientes internados com quadro de BVA que necessitarem de oxigenoterapia e comparados ao grupo controle que será composto por pacientes com diagnóstico de BVA que forem atendidos na emergência e que não necessitarem internação. Os pacientes serão avaliados em relação a variáveis epidemiológicas, presença de vírus e presença de polimorfismos gênicos. O conhecimento dos fatores epidemiológicos e dos polimorfismo em genes associados a presença e maior gravidade na BVA poderá possibilitar maior entendimento da doença e identificação de populações de risco. Novas terapias condicionadas por farmacogenética poderão ser introduzidas por meio de novos estudos realizados a partir dos dados obtidos neste projeto. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Fatores genéticos associados à bronquiolite viral aguda são identificados 

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ALVAREZ, ALFONSO EDUARDO; LIMA MARSON, FERNANDO AUGUSTO; BERTUZZO, CARMEN SILVIA; SANTIAGO BASTOS, JULIANA CRISTINA; ELIAS BARACAT, EMILIO CARLOS; BRANDAO, MARCELO BARCIELA; TRESOLDI, ANTONIA TERESINHA; DAS NEVES ROMANELI, MARIANA TRESOLDI; BRESCIANI ALMEIDA, CELIZE CRUZ; DE OLIVEIRA, THEREZINHA; SCHLODTMANN, PATRICIA GODANO; CORREA, ESTER; FERREIRA DE MIRANDA, MARIA LUISA; DOS REIS, MARCELO CONRADO; DE PIERI, JOSE VICENTE; ARNS, CLARICE WEIS; RIBEIRO, JOSE DIRCEU. Association between single nucleotide polymorphisms in TLR4, TLR2, TLR9, VDR, NOS2 and CCL5 genes with acute viral bronchiolitis. Gene, v. 645, p. 7-17, MAR 1 2018. Citações Web of Science: 2.
AGUIAR, K. C. A.; MARSON, F. A. L.; GOMEZ, C. C. S.; PEREIRA, M. C.; PASCHOAL, I. A.; RIBEIRO, A. F.; RIBEIRO, J. D. Physical performance, quality of life and sexual satisfaction evaluation in adults with cystic fibrosis: An: unexplored correlation. Revista Portuguesa de Pneumologia, v. 23, n. 4, p. 179-192, JUL-AUG 2017. Citações Web of Science: 0.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
. 2016. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.