Busca avançada
Ano de início
Entree

Expressão dos genes MDR-1, TP53, Bcl-2 e Bax em tumor venéreo transmissível canino e sua relação com a agresividade e resposta à terapia

Processo: 12/19285-2
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de junho de 2013 - 31 de maio de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Patologia Animal
Pesquisador responsável:Noeme Sousa Rocha
Beneficiário:Noeme Sousa Rocha
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Pesq. associados:Daisy Maria Favero Salvadori ; Glenda Nicioli da Silva
Assunto(s):Oncologia veterinária  Neoplasias em animal  Tumores venéreos veterinários  Quimioterapia  Cultura de células  Expressão gênica  Citotoxicidade 

Resumo

O tumor venéreo transmissível - TVT ao longo dos anos tem sido objeto de numerosas investigações; apesar disso, ainda existem lacunas que necessitam maiores estudos, existem TVTs mais malignos, que não respondem a contento aos protocolos terapêuticos convencionais; e parece que quando estas células exibem essas características, estão presentes e de forma exacerbada, modificações progressivas do seu perfil biológico. Com o advento de metodologias de investigação como a cultura celular, a citometria de fluxo e a biologia molecular, é possível identificar e quantificar essas modificações e até mesmo predizer o comportamento biológico desse tumor. O objetivo deste estudo é quantificar a expressão dos genes BAX, BCL2, TP53 e MDR1 em células de TVT (antes do cultivo) e em células de TVT cultivadas por 3 passagens, antes e após o tratamento com vincristina, a fim de identificar modificações relacionadas à resistência ao tratamento e agressividade do tumor. Para tanto, serão obtidas 8 amostras tumorais, coletadas de 8 cães, machos e fêmeas, com diagnóstico citopatológico de TVT, e serão realizados testes de citotoxicidade, sobrevivência celular e apoptose, curva de crescimento e análise de expressão dos genes pela técnica de RT-PCR. Espera-se que os resultados possam contribuir para o entendimento da dinâmica de crescimento do tumor e seu comportamento frente a tratamento antineoplásico. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LUIS M.M. FLÓREZ; HALINE F. BALLESTERO; ANDERSON P. DUZANSKI; PAULO R.O. BERSANO; JOÃO F. LIMA; FERNANDA L. CRUZ; LIGIA S. MOTA; NOEME S. ROCHA. Immunocytochemical characterization of primary cell culture in canine transmissible venereal tumor. Pesquisa Veterinária Brasileira, v. 36, n. 9, p. 844-850, Set. 2016. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.