Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise de fatores clínico-patológicos relacionados a resposta patológica completa e recorrência local em pacientes portadoras do carcinoma mamário localmente avançado, submetidas a quimioterapia neoadjuvante

Processo: 12/19642-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de junho de 2013 - 30 de novembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Cirurgia
Pesquisador responsável:René Aloisio da Costa Vieira
Beneficiário:René Aloisio da Costa Vieira
Instituição-sede: Hospital do Câncer de Barretos. Fundação Pio XII (FP). Barretos , SP, Brasil
Pesq. associados: Cristovam Scapulatempo Neto ; Maria Aparecida Azevedo Koike Folgueira
Assunto(s):Terapia neoadjuvante  Patologia  Neoplasias mamárias  Expressão gênica  Biologia molecular 

Resumo

O carcinoma de mama localmente avançado (CMLA) constitui um problema de saúde pública no Brasil. Embora a quimioterapia neoadjuvante (QTN), não modifique a sobrevida, ela permite selecionar as pacientes de melhor prognóstico, que são aquelas que apresentam uma resposta patológica completa (RPC), bem como eleva as taxas de cirurgia conservadora. Atualmente muitos esquemas podem ser utilizados, porém a associação das antraciclinas com o taxano, tem determinado RPC em até 24% dos pacientes. Os exames de imagem não são suficientes para predizer com exatidão o tamanho do tumor ou a RPC, não havendo uniformidade na clínica e na avaliação anatomopatológica (AP) destes tumores. A resposta patológica é adversa podendo ocorrer fragmentação do tumor e aparecimento de lesões residuais multifocais. Nos trabalhos relacionados a QTN não há descrição exata sobre a metodologia utilizada na marcação pré-operatória do tumor, e nem sempre toda a área tumoral é ressecada apos a QTN, bem como não há critérios universais de avaliação AP da peça cirúrgica, fato que pode influenciar os achados relacionados a resposta ao tratamento, justificando o presente estudo. Existem vários fatores relacionados a RPC, sejam clínicos, patológicos, expressão de marcadores pela imuno-histoquímica (IMH) ou gênicos. Três genes foram relacionados a resposta por MAAKF, faltando validação pela IM. Estudo aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa 135/2008, de 401 pacientes portadoras do CMLA, tratadas sobre o mesmo esquema quimioterápico seqüencial de antraciclicos e taxanos, constituindo a maior série nacional. 321 mulheres foram avaliadas de forma retrospectiva e 80 de maneira prospectivas em protocolo controlado (NCT00820690). O presente projeto avaliará o impacto dos fatores clínicos, histológicos, macroscópicos, expressão gênica através da IMH, relacionados a RPC, além de avaliar se esses fatores estão relacionados a recorrência mamária, tratada sobre o mesmo regime de quimioterapia. A avaliação destas pacientes por um único pesquisador, de uma maneira padronizada, permitirá uma melhor avaliação dos fatores relacionados a RPC e recorrência local. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GUILHERME FREIRE ANGOTTI CARRARA; CRISTOVAM SCAPULATEMPO-NETO; LUCAS FARIA ABRAHÃO-MACHADO; MARIA MITZI BRENTANI; JOÃO SOARES NUNES; MARIA APARECIDA AZEVEDO KOIKE FOLGUEIRA; RENÉ ALOISIO DA COSTA VIEIRA. Breast-conserving surgery in locally advanced breast cancer submitted to neoadjuvant chemotherapy. Safety and effectiveness based on ipsilateral breast tumor recurrence and long-term follow-up. Clinics, v. 72, n. 3, p. 134-142, Mar. 2017. Citações Web of Science: 8.
DA COSTA VIEIRA, RENE ALOISIO; ANGOTTI CARRARA, GUILHERME FREIRE; SCAPULATEMPO NETO, CRISTOVAM; MORINI, MARIANA ANDOZIA; BRENTANI, MARIA MITZI; AZEVEDO KOIKE FOLGUEIRA, MARIA APARECIDA. The role of oncoplastic breast conserving treatment for locally advanced breast tumors. A matching case-control study. ANNALS OF MEDICINE AND SURGERY, v. 10, p. 61-68, SEP 2016. Citações Web of Science: 5.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.