Busca avançada
Ano de início
Entree

Ecologia e conservação do tubarão-cabeça-de-cesto, Carcharhinus perezi, no Arquipélago de Fernando de Noronha

Processo: 00/02441-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2000 - 30 de setembro de 2002
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Zoologia Aplicada
Pesquisador responsável:Alberto Ferreira de Amorim
Beneficiário:Alberto Ferreira de Amorim
Instituição-sede: Instituto de Pesca. Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Conservação biológica  Ecologia  Telemetria  Fernando de Noronha (PE)  Fauna marinha 

Resumo

Carcharhinus perezi é uma das espécies de tubarão mais abundantes no arquipélago de Fernando de Noronha. O único instrumento de proteção para a fauna local é a área de proteção máxima delimitada pelo Parque Nacional Marinho, que abrange cerca de 70 por cento da região costeira do arquipélago. O desembarque recente de carcaças de tubarões neonatos e juvenis sugere que os limites do parque marinho não incluem todas as áreas de berçário para a espécie no local. O presente estudo propõe a utilização de marcação e recaptura e telemetria ultra-sônica para levantamento dessa população e estudo de seus padrões de movimentação e utilização espacial, com os principais objetivos de: 1) verificar a viabilidade do parque marinho como instrumento de conservação, principalmente para os estágios iniciais do ciclo de vida da espécie; 2) conscientizar a população local e turistas, através de palestras semanais e montagem de exposição permanente de tubarões, sobre a importância ecológica dos tubarões e sua vulnerabilidade à pesca; 3) produzir informações sobre a biologia da espécie para fundamentar estratégias para sua conservação local (AU)