Busca avançada
Ano de início
Entree

Spirituality in childhood cancer care

Resumo

O sofrimento causado pelo câncer infantil, pacientes e suas famílias usam diferentes estratégias de enfrentamento, entre os quais o desenvolvimento da espiritualidade que aparece como uma forma importante de resiliência. Neste contexto, o objetivo do presente estudo foi analisar a influência da espiritualidade no tratamento do câncer infantil, envolvendo aspectos bio-psico-sociais da criança, da família e da equipe de saúde no enfrentamento da doença. Para alcançar este objetivo, foi realizada uma revisão sistemática da literatura em bases de dados eletrônicas nacionais e internacionais (SCIELO, PUBMED, LILACS) utilizando os termos de busca "Espiritualidade", "Psicologia da Criança", "Criança" e "Câncer". Após realizado o levantamento, 20 artigos preencheram os critérios de elegibilidade e foram incluídos na revisão final. Nossa análise mostrou que a relação entre espiritualidade e saúde tem se tornado um assunto de interesse crescente entre pesquisadores, e que estudos discorrem sobre uma influência positiva desta no bem-estar dos pacientes. Os estudos levantados a partir da revisão mencionada em bancos de dados eletrônicos mostraram que a espiritualidade emerge como uma força motriz que ajuda os pacientes pediátricos e suas famílias a lidar com o câncer e que os profissionais de saúde têm sido cada vez mais atentos a essa dimensão do cuidado. No entanto, é necessário melhorar os conhecimentos destes profissionais sobre o assunto. A pesquisa destacou também que a espiritualidade é considerada uma fonte de conforto e de esperança, contribuindo para uma melhor aceitação da condição crônica por parte da criança com câncer, bem como por seus familiares. Discute-se a necessidade de estudos futuros que possam compor um cenário mais robusto da relação espiritualidade e tratamento do câncer. (AU)