Busca avançada
Ano de início
Entree

Slimmer or fertile? pharmacological mechanisms involved in reduced sperm quality and fertility in rats exposed to the anorexigen sibutramine

Processo: 13/10057-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de junho de 2013 - 30 de novembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Toxicologia
Pesquisador responsável:Wilma de Grava Kempinas
Beneficiário:Wilma de Grava Kempinas
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil

Resumo

Os espermatozoides adquirem motilidade e capacidade fértil durante o trânsito pelo epidídimo, sob o controle de andrógenos e da inervação simpática. Sabe-se que a aceleração do tempo de trânsito dos espermatozoides no epidídimo pode levar a redução da qualidade do esperma. Em trabalho anterior mostramos que ratos expostos ao anorexígeno sibutramina, um inibidor não-seletivo da recaptação de serotonina e noradrenalina, apresentaram aceleração do tempo de trânsito dos espermatozoides, redução das reservas espermáticas e potenciação da tensão do ducto do epidídimo em resposta à noradrenalina, após incubação in vitro com sibutramina. No presente trabalho objetivou-se investigar os mecanismos farmacológicos envolvidos nestas alterações e o impacto sobre a qualidade espermática do rato. Para isso, ratos Wistar machos adultos foram tratados com sibutramina (10 mg / kg / dia) ou veículo durante 30 dias. A sibutramina diminui o peso corporal final, da vesícula seminal, e os pesos da próstata ventral e do epidídimo, bem como o tempo de trânsito dos espermatozoides na cauda do epidídimo. Por outro lado, ao contrário do que aconteceu nos ensaios farmacológicos in vitro, em que a sibutramina foi adicionada diretamente ao banho contendo tiras da extremidade distal da cauda do epidídimo, a tensão ductal não foi alterada após exposição sub-crônica, in vivo, à sibutramina. No entanto, há evidências farmacológicas de que as reservas endógenas de norepinefrina epididimal tenham sido reduzidas nestes animais. Foi também demonstrado que a diminuição do peso da próstata pode estar relacionada com o aumento da tensão desenvolvida pela glândula, devido aos efeitos simpaticomiméticos da sibutramina. Além disso, os nossos resultados mostraram uma redução na qualidade do esperma após inseminação intrauterina artificial, um processo mais sensível para avaliar a fertilidade em roedores. A depleção de noradrenalina no epidídimo exercida pela sibutramina neste modelo experimental, associada à diminuição no tempo de trânsito, quantidade e qualidade espermáticas, levando à redução da fertilidade, reforça as preocupações sobre o possível impacto sobre a fertilidade de homens que fazem uso de sibutramina, bem como outros inibidores não-seletivos da recaptação da serotonina e noradrenalina, especialmente considerando-se a menor eficiência reprodutiva de seres humanos em comparação com machos de outras espécies. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.