Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise de estruturas em situação de incêndio

Processo: 13/02435-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2013 - 30 de junho de 2015
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Civil - Estruturas
Pesquisador responsável:Valdir Pignatta e Silva
Beneficiário:Valdir Pignatta e Silva
Instituição-sede: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Resistência estrutural  Estruturas de concreto  Dimensionamento de estruturas  Segurança estrutural  Incêndios 

Resumo

A capacidade resistente dos elementos estruturais em situação de incêndio é diminuída devido à redução da resistência dos materiais ou à deterioração de sua área resistente. A maioria dos estados brasileiros tem legislação que requer a verificação das estruturas para a situação de incêndio. No caso do estado de São Paulo, é obrigatório por meio do Decreto nº 56.819. No estado de São Paulo e nos demais estados cuja legislação se inspira na paulista, além das exigências em relação às estruturas, há muitas outras para segurança à vida em edificações sujeitas a incêndio, relacionadas aos projetos arquitetônicos (dimensionamento de saídas de emergência, materiais adequados a revestimentos, compartimentação etc) e de instalações em geral (instalações elétricas, rede de chuveiros automáticos, hidrantes, detectores etc). Os projetos de arquitetura e de instalações devem respeitar as exigências legais e outras boas práticas de projeto, conferindo assim maior segurança contra incêndio. Tais projetos não estruturais afetam o projeto de estruturas de concreto, aço etc., no que se refere à compartimentação, tempo requerido de resistência ao fogo, carga de incêndio e, no caso das estruturas de aço, na economia de material de revestimento contra fogo. É sobejamente conhecido que o meio técnico brasileiro ainda não absorveu suficiente conhecimento para respeitar a legislação brasileira. "Engenharia de segurança contra incêndio" e, especificamente, "Engenharia de estruturas em situação de incêndio" são áreas científicas novas no Brasil. Há necessidade de mais pesquisa e maior difusão do assunto. O grupo de pesquisa em segurança das estruturas em situação de incêndio (GPESI) do Departamento de Engenharia de Estruturas e Geotécnica da Escola Politécnica da USP tem sido bastante ativo nessa área atuando, inclusive, em tópicos não pesquisados fora do Grupo. Atualmente estão em desenvolvimento ou a iniciar os seguintes projetos, mais bem detalhados no "Projeto de Pesquisa":- Desenvolvimento de programa de computador para pilares mistos não padronizados em situação de incêndio- Análise do efeito das restrições às deformações térmicas em elementos estruturais- Desenvolvimento de programa de computador para pilares de concreto sob flexocompressão oblíqua em incêndio- Análise do efeito de membrana em incêndio em lajes mistas - Desenvolvimento de ferramentas computacionais para dimensionamento de elementos estruturais em situação de incêndio - Método gráfico para dimensionamento alternativo aos normatizados. Alguns desses itens levarão até 6 anos para se completarem e dependem da aquisição de programas de computador. O objetivo desta solicitação é garantir a continuidade dos trabalhos em desenvolvimento no GPESI por meio da aquisição de licença para uso de programas de computador de alto nível, de computadores mais modernos e a essencial elaboração de um Portal para mais bem difundir a pesquisa e a segurança contra incêndio. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.