Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização do papel de microRNAs na regulação da maquinaria epigenética em células tumorais humanas

Processo: 13/05583-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2013 - 31 de dezembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Lygia da Veiga Pereira
Beneficiário:Lygia da Veiga Pereira
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Luciana dos Reis Vasques
Assunto(s):Epigênese genética  MicroRNAs  Expressão gênica  Metilação de DNA  Células tumorais 

Resumo

A metilação do DNA é uma das modificações epigenéticas mais conhecidas e é estabelecida no início do desenvolvimento embrionário em mamíferos, concomitante com o processo de diferenciação que ocorre no período pré-implantacional. Este fenômeno inicia uma gama de alterações na cromatina, sendo um dos principais agentes da regulação gênica no início do desenvolvimento. Dentre as proteínas pertencentes à família das DNA metiltransferases, Dnmt3a e Dnmt3b possuem a capacidade de efetuar a metilação de novo do DNA, encontrada nesta fase do desenvolvimento, metilando dinucleotídeos CpG. Apesar de possuírem sobreposições de função, a primeira está mais envolvida com a metilação de loci genéticos individuais que sofrem imprinting, enquanto a segunda está envolvida com a metilação de regiões ricas em CG, como as repetições satélites. Após a metilação global ser estabelecida no embrião, parte da maquinaria epigenética necessária tem expressão reduzida, incluindo Dnmt3b. Alterações atípicas da metilação global do DNA, bem como, em ilhas CpG, são encontrada na maioria dos tumores, que possuem expressão aberrante das DNMTs. Pouco se sabe sobre como a expressão de seus genes são regulados, tanto em células tumorais, como no início do desenvolvimento. Assim, os microRNAs, pequenas moléculas de RNA com função reguladora pós-transcricional, vêm sendo associados a este processo. Considerando que muitos microRNAs já foram preditos para o alvejamento de DNMT3b, é objetivo deste trabalho caracterizar a regulação do gene DNMT3B por microRNAs em células tumorais humanas. Além disso, este projeto servirá como instrumento para a implementação das técnicas de análise da função de microRNAs e metilação global do DNA em nosso laboratório. (AU)