Busca avançada
Ano de início
Entree

Utilização de extratores de solução do solo no manejo da fertirrigação e controle da salinidade

Resumo

O cultivo de olerícolas sob ambiente protegido, associado à aplicação excessiva de fertilizantes via água de irrigação, tem ocasionado a salinização dos solos e desequilíbrios nutricionais nas plantas. Esses fatores atuam diretamente na redução da produtividade das culturas, bem como na queda da qualidade do produto final. Nesse caso, a recomendação da aplicação de lâminas de lixiviação não parece ser a mais adequada, visto que os sais causadores desses processos foram adquiridos por investimento de capital. A manutenção da concentração da solução do solo em níveis nos quais a salinidade apresente valores inferiores ao máximo tolerado pela cultura e superiores ao mínimo necessário para sua nutrição torna-se opção mais técnica e menos agressiva ao meio ambiente. Diversos métodos podem ser utilizados nesse monitoramento. Dentre esses, a extração da solução do solo por intermédio de cápsulas porosas surge como alternativa a custo reduzido, capaz de ser aplicada a situações de campo. O presente trabalho visa a avaliar a precisão e possibilidades de utilização dessa metodologia no auxílio ao manejo da fertirrigação (AU)