Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização das ações da toxina TsTX-I do veneno do escorpião Tityus serrulatus sobre a neurotransmissão simpática no ducto deferente de rato

Processo: 00/01326-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2000 - 30 de setembro de 2002
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia
Pesquisador responsável:Isaltino Marcelo Conceição
Beneficiário:Isaltino Marcelo Conceição
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Animais peçonhentos  Escorpiões  Tityus serrulatus  Sistema nervoso simpático  Toxinas em animal  Transmissão sináptica 

Resumo

Em trabalho recente foi realizada a primeira caracterização farmacológica das ações da toxina TsTX-I do escorpião Tityus serrulatus. Os resultados desse estudo revelaram importantes aspectos das ações dessa toxina sobre a neurotransmissão simpática no ducto deferente de rato (DDR), em especial sua capacidade de liberar das terminações simpáticas, preferencialmente ATP, em detrimento de noradrenalina. Esses e outros dados obtidos indicam um grande potencial dessa toxina em se constituir em ferramenta neurobiológica para o estudo dos processos de neurotransmissão sináptica, liberação de neurotransmissõres e co-transmissão. Entretanto, por se tratar de um estudo pioneiro, muitos pontos ainda restam a ser esclarecidos. Dessa forma, este projeto de pesquisa visa a ampliar a caracterização, por nós iniciada, das ações da toxina TsTX-I sobre a neurotransmissão simpática, buscando, ao final, a utilização dessa toxina como ferramenta para o estudo do processo de co-transmissão no DDR. Para tanto, serão utilizadas técnicas de estudo da contração e quantificação da liberação de neurotransmissores, ambos em DDR (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.