Busca avançada
Ano de início
Entree

Ventilador pulmonar eletrônico neonatal com ventilação de alta frequência

Processo: 09/52357-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de dezembro de 2009 - 31 de agosto de 2010
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica
Pesquisador responsável:Toru Miyagi Kinjo
Beneficiário:Toru Miyagi Kinjo
Empresa:Magnamed Tecnologia Médica S/A
Município: São Paulo
Assunto(s):Ventilação pulmonar 

Resumo

A ventilação mecânica foi um dos grandes marcos na redução da mortalidade neonatal. O suporte ventilatório neonatal é uma substituição parcial do trabalho respiratório do recém-nascido. O projeto de pesquisa, aqui proposto, é uma inovação no projeto de ventiladores pulmonares neonatal. Além da pesquisa com o objetivo de melhorar as modalidades ventilatórias tradicionais tais com: ventilação a volume controlado e ventilação a pressão controlada que geralmente são uma adaptação das modalidades aplicada a adultos, ou seja, não otimizados para uso em neonatalogia objetiva-se pesquisar e implementar no ventilador, a ventilação de alta frequência. A ventilação de alta frequência é a aplicação de pequeno volume corrente em padrão oscilatório usando frequência respiratória para manter troca gasosa adequada que ocorre por difusão. A frequência respiratória em Hz pode chegar a 20, ou seja, 1200 respirações por minuto. A principal vantagem da ventilação de alta frequência é diminuição das lesões pulmonares mecânicas provocadas por pressões elevadas usadas na ventilação mecânica convencional. Os ventiladores pulmonares neonatais existentes no mercado nacional que possuem recursos da ventilação de alta frequência são importados, portanto de acesso restrito devido ao seu alto custo. A maioria dos ventiladores de alta frequência é baseada em pistão eletromagnético, similar aos de alto falante, motivo pelo qual o torna excessivamente grande para um ventilador neonatal. Espera-se obter, como resultado desta pesquisa, o desenvolvimento de um equipamento que possa ser comercializado por um preço acessível, trazendo benefícios a toda faixa de níveis sociais, e com recursos e performance superiores aos equipamentos similares importados. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio::
Respiração sob controle