Busca avançada
Ano de início
Entree

Deteção e reconhecimento digital da face humana

Resumo

O problema do reconhecimento da face humana consiste em processar computacionalmente imagens faciais para oferecer solução a dois cenários: a identificação de uma face ou a verificação da uma identidade pretendida. Adicionalmente existem características relevantes da face que podem ser obtidas como parte desse processamento tais como elementos do rosto (olhos, boca, nariz), sexo, idade, cor do cabelo,etc. Estas características podem ser exploradas em produtos comerciais. A Griaule Tecnologia tem desenvolvido um produto que identifica características faciais relevantes como olhos e boca. Este produto permite a geração automatizada de fotografias faciais segundo padrões de qualidade para a emissão de documentação de identidade. Dando continuidade a esse desenvolvimento o presente projeto tem como objetivos: 1. A detecção em imagens e videos de outras características relevantes da face como sexo, faixa etária e raça e seu materialização em um produto comercial. 2. Utilizar os resultados do estado da arte junto com as características detectadas para criar produtos iniciais de verificação e identificação de rostos com tempo de resposta e precisão adequadas.Estes produtos finais permitiriam a criação de soluções comerciais brasileiras para o processamento da face de baixo custo e integradas a outras tecnologias como processamento de impressões digitais (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Una empresa desarrolla la biometría para el sistema electoral brasileño 
Company develops biometrics for use by Brazilian electoral system 
Inovação sem fronteiras 
Innovación sin fronteras 
Innovation without borders 
Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio::
Una tecnología brasileña en el Pentágono 
Una tecnología brasileña en el Pentágono 
Una tecnología brasileña en el Pentágono 
Brazilian technology at the Pentagon 
Digitales a gran escala 
Digitais em larga escala 
Matéria(s) publicada(s) no Pesquisa para Inovação FAPESP sobre o auxílio:
Inovação sem fronteiras 
Empresa apoiada pela FAPESP ganha licitação de US$ 75 milhões do Pentágono 
Software de identificação biométrica do TSE foi desenvolvido por startup