Busca avançada
Ano de início
Entree

Melhoria de divulgação científica e de serviços de educação prestados pelo CPQBA

Processo: 06/57329-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa de Pesquisa em Centros de Ciências do Estado de São Paulo
Vigência: 01 de julho de 2007 - 31 de janeiro de 2008
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Tecnologia Química
Convênio/Acordo: VITAE
Pesquisador responsável:Ana Maria Frattini Fileti
Beneficiário:Ana Maria Frattini Fileti
Instituição-sede: Centro Pluridisciplinar de Pesquisas Químicas, Biológicas e Agrícolas (CPQBA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Paulínia , SP, Brasil
Assunto(s):Divulgação científica  Comunicação científica  Plantas medicinais  Educação  Plantas aromáticas  Idosos  Estudos interdisciplinares 

Resumo

O Centro Pluridisciplinar de Pesquisas Químicas, Biológicas e Agrícolas (CPQBA) da UNICAMP é considerado uma referência nacional em produtos naturais (plantas e microrganismos), biotecnologia e meio ambiente. Investimentos em treinamentos e serviços para a comunidade têm sido sistematicamente realizados. Parcerias com a municipalidade de Paulínia se consolidaram desde o ano 2000, inicialmente com o oferecimento de um treinamento sobre cultivo de plantas medicinais para um grupo de participantes da terceira idade do Centro de Ação Comunitária do município. Posteriormente, a contribuição financeira desta instituição parceira se tornou aproximadamente 35 mil reais anuais, garantindo também bolsas e treinamentos para estudantes de nível técnico. As atividades de visitação de escolas públicas e da comunidade, oficina da terceira idade, estágios e treinamentos continuarão sendo realizados, com o objetivo de difusão de conhecimentos científicos e divulgação das espécies de plantas pertencentes à coleção de plantas medicinais e aromáticas deste centro de pesquisas. Conhecimentos sobre as diferentes etapas da produção de matéria-prima para a produção de fitofármacos são repassados, procurando alertar a sociedade para a importância da preservação e valoração sustentável da biodiversidade, além de chamar a atenção também para as consequências da auto-medicação. (AU)