Busca avançada
Ano de início
Entree

Adição de ácido linolênico e L-carnitina na maturação oocitária: efeitos sobre o metabolismo celular, potencial de desenvolvimento e criotolerância de embriões bovinos produzidos in vitro

Processo: 13/07382-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2013 - 30 de junho de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:Gisele Zoccal Mingoti
Beneficiário:Gisele Zoccal Mingoti
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária (FMVA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Pesq. associados:Flavia Lombardi Lopes
Assunto(s):Fertilização in vitro animal  Criopreservação animal  Bovinos  Expressão gênica  Metabolismo dos lipídeos  Ácido alfa-linolênico  L-carnitina 

Resumo

Com o intuito de aperfeiçoar os resultados da criopreservação de embriões bovinos produzidos in vitro (PIV), este estudo será conduzido com o objetivo principal de avaliar o impacto da suplementação com ácido linolênico (ALA), associado ou não à L-carnitina, durante a maturação in vitro (MIV) sobre a maturação e qualidade do oócito, especialmente no que se refere ao metabolismo lipídico, e sobre o desenvolvimento e resistência à criopreservação dos embriões produzidos. Para tanto, em uma primeira etapa serão realizados experimentos de dose-resposta para determinar as concentrações ideais de ALA (0, 10, 50 ou 100 ¼M) e L-carnitina (0, 1, 5 ou 10 mM) a serem adicionadas ao meio de MIV, suplementado com 10% de SFB ou 0,6% de BSA. Serão avaliados os efeitos do ALA e L-carnitina sobre a maturação nuclear e citoplasmática, assim como o acúmulo lipídico intracelular de oócitos bovinos, potencial de oxidação do meio de cultivo e produção de espécies reativas de oxigênio intracelulares. Em uma segunda etapa, será avaliado o efeito da suplementação com ALA, associado ou não à L-carnitina (concentrações definidas na etapa anterior), durante o cultivo de MIV, sobre o subsequente desenvolvimento in vitro, qualidade e acúmulo lipídico intracitoplasmático, além da criotolerância embrionária. Para tanto, oócitos serão fecundados durante 24 horas e os prováveis zigotos cultivados in vitro (CIV). Serão avaliadas a taxa de clivagem (48 hpi) e o desenvolvimento embrionário até a fase de blastocistos (D7 do CIV). Estes serão vitrificados e posteriormente reaquecidos para avaliação da sobrevivência embrionária pós-criopreservação, após 3 horas de re-cultivo in vitro. Também nessa etapa, será avaliada a regulação da expressão de genes envolvidos com o metabolismo lipídico (regulação da lipogênese: SCD1, FAS e SREBP1; regulação da via metabólica B-oxidação: CPT1B e CPT2), em oócitos e embriões bovinos suplementados com ALA e/ou L-carnitina durante o cultivo de MIV. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
AMBROGI, M.; DALL'ACQUA, P. C.; ROCHA-FRIGONI, N. A. S.; LEAO, B. C. S.; MINGOTI, G. Z. Transporting bovine oocytes in a medium supplemented with different macromolecules and antioxidants: Effects on nuclear and cytoplasmic maturation and embryonic development in vitro. REPRODUCTION IN DOMESTIC ANIMALS, v. 52, n. 3, p. 409-421, JUN 2017. Citações Web of Science: 4.
MELISSA MENEGHEL; PRISCILA CHEDIEK DALL’ACQUA; MARCELA AMBROGI; BEATRIZ C.S. LEÃO; NATHÁLIA A.S. ROCHA-FRIGONI; GISELE Z. MINGOTI. Lipid content and cryotolerance of in vitro-produced bovine embryos treated with forskolin before vitrification. Pesquisa Veterinária Brasileira, v. 37, n. 4, p. -, Abr. 2017.
ROCHA-FRIGONI, NATHALIA A. S.; LEAO, BEATRIZ C. S.; DALL'ACQUA, PRISCILA CHEDIEK; MINGOTI, GISELE Z. Improving the cytoplasmic maturation of bovine oocytes matured in vitro with intracellular and/or extracellular antioxidants is not associated with increased rates of embryo development. Theriogenology, v. 86, n. 8, p. 1897-1905, NOV 2016. Citações Web of Science: 13.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.