Busca avançada
Ano de início
Entree

Aprimoramento do diagnóstico etiológico das leishmanioses no estado de São Paulo: bases para a implantação de uma rede de laboratórios para a identificação das rotas de disseminação e monitoramento da diversidade fenotípica e genotípica dos protozoários do gênero Leishmania

Resumo

O presente projeto de pesquisa surgiu da integração de esforços que envolvem o Instituto Adolfo Lutz, a Universidade Estadual Paulista, Campus de Presidente Prudente, Serviços Controle de Zoonoses dos municípios de Jundiaí, Bauru e Caraguatatuba, mais ainda a cooperação do CLlO/FIOCRUZ em resposta as necessidade de revisão da política pública relativa à vigilância e controle das leishmanioses. Aprimorar o diagnóstico etiológico das leishmanioses no estado de São Paulo, Brasil; Estudar a diversidade fenotípica e genotípica de Leishmania spp no estado de São Paulo, Brasil. Para tanto iremos constituir e capacitar uma rede de laboratórios para a realização das atividades de isolamento e identificação de Leishmania spp circulantes em diferentes hospedeiros, vertebrados e invertebrados, no estado de São Paulo; padronizar e estabelecer as metodologias necessárias para o crescimento primário e isolamento de Leishmania spp; realizar a reação de hibridização in situ para pesquisa de Leishmania, como diagnóstico complementar ao exame morfológico pela coloração de hematoxilina e eosina (HE) em amostras caninas; implantar as metodologias de referência para a identificação da diversidade fenotípica (isoenzimas) de Leishmania spp; realizar as metodologias para a Identificação da diversidade genotípica (PCR, PCR em tempo real, microssatélite, sequenciamento) de Leishmania spp; confeccionar mapas da distribuição e identificar as rotas de dispersão geográfica de Leishmania spp e das leishmanioses no estado de São Paulo; implantar e organizar a Coleção de Referência de Leishmania do estado de São Paulo, integrada ao Centro de Recursos Biológicos em Saúde/Núcleo de Coleções Biológicas do Instituto Adolfo Lutz para serviço e pesquisa. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GUERR, J. M.; FERNANDES, N. C. C. A.; RESSIO, R. A.; MAGNO, J. A.; KIMURA, L. M.; BARBOSA, J. E. DE R.; BERTOLLO, D. M. B.; TANIGUCHI, H. H.; HIRAMOTO, R. M.; MOTOIE, G.; TOLEZANO, J. E.; COGLIATI, B. Evaluation of Cytopathological Techniques for the Diagnosis of Canine Visceral Leishmaniosis with Lymph Node Samples. Journal of Comparative Pathology, v. 172, p. 62-71, OCT 2019. Citações Web of Science: 0.
DONALISIO, MARIA RITA; PAIZ, LAIS MORAES; DA SILVA, VANESSA GUSMON; RICHINI-PEREIRA, VIRGINIA BODELAO; BRUNO VON ZUBEN, ANDREA PAULA; CASTAGNA, CLAUDIO LUIZ; MOTOIE, GABRIELA; HIRAMOTO, ROBERTO MITSUYOSHI; TOLEZANO, JOSE EDUARDO. Visceral leishmaniasis in an environmentally protected area in southeastern Brazil: Epidemiological and laboratory cross-sectional investigation of phlebotomine fauna, wild hosts and canine cases. PLoS Neglected Tropical Diseases, v. 11, n. 7 JUL 2017. Citações Web of Science: 4.
PAIZ, LAIS MORAES; DONALISIO, MARIA RITA; RICHINI-PEREIRA, VIRGINIA BODELAO; MOTOIE, GABRIELA; CASTAGNA, CLAUDIO LUIZ; TOLEZANO, JOSE EDUARDO. Infection by Leishmania spp. in Free-Ranging Opossums (Didelphis albiventris) in an Environmentally Protected Area Inhabited by Humans in Southeastern Brazil. VECTOR-BORNE AND ZOONOTIC DISEASES, v. 16, n. 11, p. 728-730, NOV 2016. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.