Busca avançada
Ano de início
Entree

Glicose e glutamina na proliferação e viabilidade celular

Processo: 13/06877-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2013 - 31 de julho de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Cirurgia
Pesquisador responsável:Monica Talarico Duailibi
Beneficiário:Monica Talarico Duailibi
Instituição-sede: Centro de Terapia Celular e Molecular. Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Silvio Eduardo Duailibi
Assunto(s):Cirurgia plástica  Medicina regenerativa  Terapia baseada em transplante de células e tecidos  Cultura de células  Glicose  Glutamina 

Resumo

A recuperação da integridade anatômica e funcional de tecidos lesados garante a sobrevivência dos seres vivos e quando as perdas são extensas o tratamento é desafiador. A Engenharia Tecidual surge como uma alternativa para a criação de novas terapias, utilizando os princípios biológicos com as técnicas da Engenharia sendo seu objetivo final a produção de órgãos e partes humanas substitutas in vitro. Para a construção de órgãos há necessidade de um grande número de células viáveis que são obtidas de amostras de tecidos de biópsia. A partir deste tecido, são obtidas células, e estas expandidas em laboratório por meio de técnicas de cultura celular. A expansão celular in vitro, depende do controle das condições atmosféricas, de temperatura e de nutrição. A nutrição é fundamental para a expansão celular e manutenção de suas estruturas e funções. Nesse sentido, a glicose e a glutamina são os principais suplementos em cultura e seu controle é essencial para garantir a obtenção de células viáveis. Objetivo: Caracterizar o efeito da glicose e da glutamina sobre a proliferação e viabilidade celular. Métodos: As células serão obtidas a partir do tecido não mineralizado de terceiros molares de descarte cirúrgico e cultivadas em laboratório. Elas serão submetidas a um déficit nutricional padronizado com a ausência de soro animal no meio de cultura. Em seguida, as células serão nutridas com quatro meios de cultura diferentes, com a presença reduzida, normalizada ou ausência de glicose e glutamina isoladas ou associadas. Serão verificados apoptose, proliferação, viabilidade e integridade das estruturas celulares. Os resultados receberão tratamento estatístico de Friedman e Wilcoxon e o intervalo de confiança de 5% será considerado significante. Os experimentos serão conduzidos em 5 e 10 dias. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PENNA, VANESSA; LIPAY, MONICA V. N.; DUAILIBI, MONICA T.; DUAILIBI, SILVIO E. The likely role of proteolytic enzymes in unwanted differentiation of stem cells in culture. FUTURE SCIENCE OA, v. 1, n. 3 NOV 2015. Citações Web of Science: 2.
MACHADO, NATASHA; DUAILIBI, SILVIO EDUARDO; DOS SANTOS, JENNIFER ADRIANE; PENNA, VANESSA; FERREIRA, LYDIA MASAKO; DUAILIBI, MONICA TALARICO. Effects of glucose and glutamine concentrations in human dental pulp stem cells viability. An approach for cell transplantation. Acta Cirurgica Brasileira, v. 29, n. 10, p. 658-666, OCT 2014. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.