Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigando o comportamento de espécies orgânicas e inorgânicas na água de chuva de Ribeirão Preto: uma cidade com elevada atividade canavieira em franco processo de modificação

Processo: 13/12789-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2013 - 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química
Pesquisador responsável:Maria Lúcia Arruda de Moura Campos
Beneficiário:Maria Lúcia Arruda de Moura Campos
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Pesq. associados:Andrew George Allen ; Bruno Spinosa de Martinis ; Raquel Fernandes Pupo Nogueira
Assunto(s):Química atmosférica  Biogeoquímica  Emissão de gases  Compostos inorgânicos  Compostos orgânicos  Água de chuva  Etanol  Mudança climática 

Resumo

As emissões atmosféricas originárias de regiões canavieiras estão em franco processo de modificação no Estado de São Paulo. Enquanto a redução da queima da palha da cana provoca uma diminuição das emissões com origem na biomassa, o crescente uso de maquinário agrícola eleva as emissões relativas à ressuspensão do solo. Dessa forma, as emissões de aerossóis na região e sua composição química vêm sendo modificadas, levando a alterações na solubilidade do material particulado presente na baixa troposfera, com possíveis implicações climáticas, ainda desconhecidas. Com a eminente produção de etanol de 2ª geração, as emissões automotivas ligadas ao uso de etanol deverão aumentar, impactando a capacidade oxidativa da atmosfera. Este projeto propõe avaliar o comportamento atual de espécies orgânicas (N orgânico, formaldeído, acetaldeído, etanol, acetato, formiato, carbono orgânico dissolvido (COD), COD-volátil) e inorgânicas (íons majoritários), solubilizadas na água de chuva de Ribeirão Preto. Desta forma, esperamos melhor compreender a intensidade das emissões regionais, suas fontes, e as alterações químicas que estão ocorrendo na baixa troposfera. São muito escassos os estudos sobre a deposição de compostos orgânicos por via úmida no Brasil, principalmente em regiões agrícolas com intensa queima de biomassa. Portanto, conhecer melhor como a atmosfera atua como reservatório de carbono e nitrogênio numa região canavieira, e como esta pode ser alterada pelas futuras políticas governamentais, é essencial para se poder entender (e prever) o possível impacto da produção e uso de etanol combustível no Brasil. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CRISPIM, CRISTINA P.; NOGUEIRA, RAQUEL F. P.; OMETTO, JEAN P.; CAMPOS, M. LUCIA A. M. Photo-Fenton approach for the determination of organic nitrogen in rainwater. Atmospheric Environment, v. 191, p. 525-531, OCT 2018. Citações Web of Science: 0.
SCARAMBONI, C.; CRISPIM, C. P.; TOLEDO, JR., J. C.; CAMPOS, M. L. A. M. Investigating hydrogen peroxide in rainwater of a typical midsized city in tropical Brazil using a novel application of a fluorometric method. Atmospheric Environment, v. 176, p. 201-208, MAR 2018. Citações Web of Science: 4.
GIUBBINA, FERNANDA F.; SCARAMBONI, CAROLINE; DE MARTINIS, BRUNO S.; GODOY-SILVA, DANIELY; NOGUEIRA, RAQUEL F. P.; CAMPOS, M. LUCIA A. M. A simple method for simultaneous determination of acetaldehyde, acetone, methanol, and ethanol in the atmosphere and natural waters. ANALYTICAL METHODS, v. 9, n. 19, p. 2915-2922, MAY 21 2017. Citações Web of Science: 6.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.