Busca avançada
Ano de início
Entree

A percepção do consumidor sobre a biotecnologia na produção de alimentos: um estudo quali-quantitativo

Processo: 13/01866-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2013 - 31 de agosto de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos
Pesquisador responsável:Jorge Herman Behrens
Beneficiário:Jorge Herman Behrens
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Discurso do sujeito coletivo  Pesquisa qualitativa  Biotecnologia  Consumidor 

Resumo

Graças aos avanços científicos e tecnológicos introduzidos na produção e distribuição de alimentos ao longo das últimas décadas, atualmente as sociedades mais desenvolvidas e afluentes não sofrem restrições quanto à disponibilidade e oferta de produtos alimentícios. Contudo, observam-se mudanças nas preferências e hábitos alimentares pela influencia de informação e da percepção da tecnologia e seus efeitos em toda a cadeia de produtiva de alimentos. Nesse sentido, são fundamentais estudos que revelem a percepção do consumidor sobre novas tecnologias que, se por um lado garantem produtividade e melhor qualidade aos alimentos, podem gerar no consumidor ansiedade, desconfiança e atitudes negativas causando rejeição desses alimentos. Pelo exposto, o presente projeto de pesquisa propõe um estudo quali-quantitativo da percepção da biotecnologia aplicada à produção de alimentos pelo consumidor brasileiro. A primeira fase do projeto consistirá de uma pesquisa qualitativa através de entrevistas com consumidores em grupos focais, cuja análise do material empírico através da técnica do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC) permitirá o conhecimento de representações sociais, crenças, sentimentos e atitudes em relação ao uso de biotecnologia em alimentos. Espera-se que os resultados da fase qualitativa revelam fatores intrínsecos (p.e., sabor, textura, aparência, etc.) ou extrínsecos (p.e. preço, alegações de saúde e nutrição, etc.) para o delineamento de testes afetivos de aceitação com consumidores. Por fim, a técnica estatística multivariada de Análise Conjunta aplicada sobre os dados dos consumidores revelará quais fatores podem influenciar positiva ou negativamente a aceitabilidade e a intenção de compra de alimentos produzidos por biotecnologia. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RIBEIRO, TATIANE G.; BARONE, BRUNA; BEHRENS, JORGE H. Genetically modified foods and their social representation. Food Research International, v. 84, p. 120-127, JUN 2016. Citações Web of Science: 12.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.