Busca avançada
Ano de início
Entree

Quantificação de estreptococos do grupo mutans em diferentes tipos de amarrilhos conjugados e elástico em cadeia: estudo in vivo

Processo: 13/02536-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2013 - 31 de agosto de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Ortodontia
Pesquisador responsável:Fábio Lourenço Romano
Beneficiário:Fábio Lourenço Romano
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Pesq. associados:Carolina Patrícia Aires Garbellini ; José Tarcísio Lima Ferreira ; Paulo Nelson Filho
Assunto(s):Ortodontia corretiva  Aparelhos ortodônticos  Ligadura  Higiene bucal  Streptococcus mutans  Meios de cultura 

Resumo

Os aparelhos ortodônticos são compostos por uma variedade de materiais com superfícies irregulares, que aumentam a retenção de biofilme bacteriano e dificultam a limpeza mecânica. Entre os dispositivos ortodônticos utilizados na mecanoterapia corretiva encontram-se os amarrilhos conjugados e as ligaduras elastoméricas em cadeia. O objetivo do presente trabalho in vivo será quantificar estreptococos do grupo mutans (SM) na superfície de diferentes tipos de amarrilhos conjugados, em comparação às ligaduras elastoméricas em cadeia (controle). Serão coletadas amostras de biofilme da superfície vestibular de pré-molares de pacientes em tratamento ortodôntico corretivo e serão selecionados pacientes que apresentarem SM na cavidade bucal. Em seguida, os pacientes receberão um dos seguintes dispositivos, envolvendo primeiro molar e pré-molares, nos diferentes quadrantes da cavidade bucal: I) ligadura elastomérica em cadeia (controle); II) amarrilho trançado sobre o fio; III) amarrilho trançado em 8 embaixo do fio e IV) amarrilho trançado embaixo do fio. Os dispositivos serão randomizados para os diferentes quadrantes de cada paciente, sob a forma de rodízio. Decorridos 7 dias, os dispositivos serão removidos e submetidos ao processamento microbiológico e contagem das unidades formadoras de colônias (UFC) de SM por miligrama de peso úmido de biofilme. Espécimes representativos de cada grupo serão processados para análise em Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV). Os resultados serão submetidos à ANOVA e ao teste de Tukey-Kramer, adotando-se o nível de significância de 5%. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MARIANA UMEKITA SHIROZAKI; JOSÉ TARCÍSIO LIMA FERREIRA; ERIKA CALVANO KÜCHLER; MÍRIAN AIKO NAKANE MATSUMOTO; CAROLINA PATRÍCIA AIRES; PAULO NELSON-FILHO; FÁBIO LOURENÇO ROMANO. Quantification of Streptococcus mutans in Different Types of Ligature Wires and Elastomeric Chains. Brazilian Dental Journal, v. 28, n. 4, p. -, Ago. 2017.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.