Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação de anatomia cerebral, mediadores inflamatórios e hormônios reguladores do apetite de pacientes pediátricos obesos: um estudo sobre a neurobiologia da obesidade

Processo: 12/21677-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2013 - 28 de fevereiro de 2017
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Psiquiatria
Pesquisador responsável:Ricardo Riyoiti Uchida
Beneficiário:Ricardo Riyoiti Uchida
Instituição-sede: Centro de Atenção Integrada à Saúde Mental (CAISM). Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo (ISCMSP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Bruno Vinicius Kouhiro Aguiar ; Cristiane Kochi ; Fábio Luís de Souza Duran ; Gabriella Forte Matsumoto ; Geraldo Busatto Filho ; Marilia Cerqueira Leite Seelaender ; Pâmela Bertolazzi
Assunto(s):Obesidade  Manifestações neurológicas  Mediadores da inflamação  Apetite  Crianças 

Resumo

A incidência da obesidade tem aumentado no mundo todo, sendo o mesmo observado na população infantil. Adiposidade elevada tem sido associada a danos a diversos tecidos. Estudos de Morfometria Baseada no Voxel e de Imagem de Tensor de Difusão já realizados em obesos adultos demonstraram que indivíduos obesos adultos apresentam redução de substância cinzenta em várias áreas cerebrais e alterações na conectividade cerebral. Tais podem tanto anteceder quanto serem secundários a obesidade e suas complicações. Objetivos. O presente estudo procurará investigar alterações do volume e conectividade cerebral em regiões envolvidas na regulação do paladar, da recompensa e do controle de comportamentos em crianças obesas, correlacionando estas alterações com a dosagem sérica de mediadores inflamatórios e hormônios e neuropeptídios secretados pelo sistema nervoso central relacionados com o controle do apetite. Deste modo, investigaremos alterações cerebrais prévias ou precoces na obesidade e sua relação com as substâncias avaliadas. Método. Morfometria Baseada no Voxel e de Imagem de Tensor de Difusão em imagens de Ressonância Nuclear Magnética de amostra de 60 pacientes obesos e 60 controles saudáveis, ambos os grupos com idades entre 10 e 12 anos. Crianças com história prévia de doença clínica, neurológica ou psiquiátrica relevantes serão excluídas durante a seleção. Todos os sujeitos serão avaliados clinicamente através da aferição de frequência cardíaca, pressão arterial, peso, altura e IMC e da dosagem sérica de glicose, colesterol e triglicérides, mediadores inflamatórios (IL1, IL6, IL10, TNF±, PCR e amilóide a) e hormônios (leptina, insulina, MSH, MCH e NPY). (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.