Busca avançada
Ano de início
Entree

Técnicas geoespaciais para a investigação de reservatórios de Plasmodium vivax na Amazônia rural brasileira

Processo: 13/17259-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Vigência: 15 de setembro de 2013 - 29 de janeiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Marcelo Urbano Ferreira
Beneficiário:Marcelo Urbano Ferreira
Pesquisador visitante: Marcia Caldas de Castro
Inst. do pesquisador visitante: Harvard University, Cambridge, Estados Unidos
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Epidemiologia  Controle de infecções  Análise espacial  Plasmodium vivax  Malária  Amazônia 

Resumo

A intensificação das ações de controle da malária, no final dos anos 1990, levou a uma redução da transmissão mas, ainda assim, foram notificados cerca de 260 mil casos novos em 2012 - 99,9% dos quais na Amazônia. A transmissão é mais intensa em garimpos, áreas com atividade madeireira e assentamentos agrícolas. Cerca de 85% das infecções são causadas por Plasmodium vivax, indicando que as dificuldades de controle desta espécie contribuem em grande medida para a manutenção de transmissão da malária. As estratégias atuais de controle da malária no Brasil baseiam-se no diagnóstico precoce e tratamento de casos clínicos. Entretanto, uma importante lacuna na agenda de pesquisa corresponde a estratégias eficazes para identificar e tratar reservatórios assintomáticos da infecção, especialmente em áreas com baixa incidência de malária, hoje candidatas a iniciar programas de eliminação da transmissão. Este é o tema que será abordado durante a vista da Prof. Marcia Castro, com especial enfoque no uso de técnicas geoespaciais. Marcia Castro trará abordagens práticas e metodologicas de análise geospacial, combinando sensoriamento remoto, sistema de informações geográficas, e análise estatística espacial. Estas técnicas serão integradas com as atividades do projeto de pesquisa "Perspectivas de eliminação da malária residual na Amazônia rural brasileira: estratégia de investigação de reservatórios de P. vivax", atualmente em curso no laboratório do Prof. Marcelo U. Ferreira. O projeto tem como objetivo implementar e avaliar uma estratégia para detectar portadores sintomáticos e assintomáticos do parasita (potenciais reservatórios de infecção) em áreas de transmissão residual de malária, centrada no monitoramento de potenciais focos de transmissão em torno de episódios clínicos (casos índices). O foco potencial de transmissão é definido como uma área no entorno do caso índice, e o estudo está sendo feito em Acrelândia, Acre. O uso de técnicas geoespaciais trazem uma contribuição significativa para o projeto em 3 aspectos: (i) a análise de imagens de satélite de alta resolução permitem identificar com precisão a área e os domicílios incluídos no entorno do caso índice; (ii) o mapeamento dos casos índice permite uma análise de conglemerados espaciais, bem como sua evolução ao longo do tempo; e (iii) técnicas de análise estatística espacial facilitam a análise do raio ideal a ser considerado para definição da área no entorno do caso índice, bem como a análise integrada da estratégia de monitoramento combinando dados epidemiológicos e moleculares. O pesquisador visitante não participará de experimentos de bancada nem manipulará amostras biológicas. Sua participação refere-se a análise de dados coletados pelo projeto (em especial o mapeamento e análise espacial das informações), a interpretação de imagem de satélite de alta resolução (cujos resultados permitirão uma definição mais precisa das áreas a serem definidas como foco potencial de transmissão), e a integração dos resultados epidemiológicos e moleculares sob uma perspectiva de modelagem espacial. Os resultados servirão de base para a proposta de uma estratégia de identificação reservatórios de P. vivax a ser apresentada à Secretaria de Vigilância do Ministério da Saúde. Durante a estadia de quatro meses, Marcia Castro concentrará suas atividades no mapeamento das informações que estão sendo coletadas em Acrelândia, na busca por padrões de aglomeração temporal e espacial (com base em casos clínicos e em análise molecular), na interpretação da imagem de satélite e delineamento de focos de transmissão, e na modelagem espacial dos dados integrados. Além das atividades de pesquisa, Marcia Castro participará como palestrante na disciplina "Epidemiologia molecular de doenças infecciosas e parasitárias" - BMP5756, ministrado por Marcelo U. Ferreira. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FONTOURA, PABLO S.; FINCO, BRUNA F.; LIMA, NATHALIA F.; DE CARVALHO, JR., JAQUES F.; VINETZ, JOSEPH M.; CASTRO, MARCIA C.; FERREIRA, MARCELO U. Reactive Case Detection for Plasmodium vivax Malaria Elimination in Rural Amazonia. PLoS Neglected Tropical Diseases, v. 10, n. 12 DEC 2016. Citações Web of Science: 4.
FERREIRA, MARCELO U.; CASTRO, MARCIA C. Challenges for malaria elimination in Brazil. Malaria Journal, v. 15, MAY 20 2016. Citações Web of Science: 57.
BARBOSA, SUSANA; GOZZE, AMANDA B.; LIMA, NATHALIA F.; BATISTA, CAMILLA L.; BASTOS, MELISSA DA SILVA; NICOLETE, VANESSA C.; FONTOURA, PABLO S.; GONCALVES, RAQUEL M.; VIANA, SUSANA ARIANE S.; MENEZES, MARIA JOSE; SCOPEL, KEZIA KATIANI G.; CAVASINI, CARLOS E.; MALAFRONTE, ROSELY DOS SANTOS; DA SILVA-NUNES, MONICA; VINETZ, JOSEPH M.; CASTRO, MARCIA C.; FERREIRA, MARCELO U. Epidemiology of Disappearing Plasmodium vivax Malaria: A Case Study in Rural Amazonia. PLoS Neglected Tropical Diseases, v. 8, n. 8 AUG 2014. Citações Web of Science: 59.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.