Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de políticas de gerenciamento de caixa utilizando modelos computacionais híbridos

Resumo

Gerenciar o saldo disponível de caixa é um problema constante em todo tipo de organização, assim, existe a necessidade de controlar os recursos financeiros de maneira a obter o melhor resultado para a organização. Dessa forma, a definição do saldo de caixa passou a ter uma abordagem quantitativa no intuito de promover a otimização deste estoque financeiro, de modo a minimizar os custos associados à manutenção ou falta de dinheiro em caixa. Em mercados perfeitos, o saldo de caixa teria função irrelevante, desde que suficiente para liquidar os compromissos no seu vencimento. Assim, este projeto de pesquisa tem como finalidade responder ao seguinte problema: Como desenvolver políticas de gestão do saldo de caixa, que considerem os fatores que afetam o caixa, obtendo o mínimo custo, mediante diferentes níveis de liquidez e exposição financeira ao risco, utilizando projeções dos fluxos de caixa com modelos computacionais híbridos? São esperados como resultados a identificação dos fatores de impacto sobre o nível de recursos em caixa e equivalentes de caixa das empresas brasileiras e o desenvolvimento de modelos computacionais híbridos capazes de obter uma política ótima de gestão do disponível. Para isso, o projeto propõe a utilização de modelos computacionais evolutivos, com alta complexidade em sua elaboração, visando possibilitar a redução das limitações dos atuais modelos, que não consideram aspectos de liquidez e risco envolvidos na decisão de gestão do caixa. Com isso, possibilitando o incremento das políticas de gerenciamento nas organizações. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)