Busca avançada
Ano de início
Entree

Adição de diferentes aditivos em rações para frangos de corte

Resumo

Serão realizados quatro experimentos com o objetivo de avaliar os efeitos da adição de protease e quitosana na alimentação de frangos de corte. No primeiro experimento, serão utilizadas 768 aves que serão criadas de 1 a 42 dias de idade, distribuídas em um delineamento completamente casualizado em arranjo fatorial 2x2x2 (inclusão ou não de protease, dois níveis nutricionais e duas formas físicas da ração) com oito repetições por tratamento. Serão avaliados o desempenho produtivo, a atividade enzimática pancreática, o rendimento de carcaça e a análise econômica de frangos de corte alimentados com rações fareladas e peletizadas com ou sem adição de protease. No segundo experimento, serão utilizadas 200 aves que serão criadas de 1 a 21 dias, com os mesmos tratamentos do primeiro experimento e cinco repetições, para determinação da digestibilidade das dietas experimentais. As aves serão submetidas aos seguintes tratamentos experimentais: T1- ração farelada com redução de níveis nutricionais e sem adição de protease; T2- ração farelada com redução de níveis nutricionais e com adição de protease; T3- ração farelada com níveis nutricionais recomendados e sem adição de protease; T4- ração farelada com níveis nutricionais recomendados e com adição de protease; T5- ração peletizada com redução de níveis nutricionais e sem adição de protease; T6- ração peletizada com redução de níveis nutricionais e com adição de protease; T7- ração peletizada com níveis nutricionais recomendados e sem adição de protease; T8- ração peletizada com níveis nutricionais recomendados e com adição de protease. No terceiro experimento, será analisado diferentes níveis de inclusão da quitosana e seus efeitos sobre o desempenho, o rendimento de carcaça e a deposição de gordura abdominal em frangos de corte. O melhor nível de inclusão obtido do terceiro experimento será utilizado no quarto. No último experimento, serão utilizadas 720 aves de uma linhagem comercial distribuídas aleatoriamente havendo seis tratamentos com 10 repetições de 12 aves cada. O delineamento experimental será o inteiramente casualizado em esquema fatorial 3 x 2 (sem promotor de crescimento, com promotor de crescimento e inclusão de quitosana x nível de energia recomendado e nível de energia reduzido). Será avaliado o desempenho, o rendimento de carcaça, de cortes (peito e coxa+sobrecoxa), de gordura abdominal. Além disto, a concentração de triglicérides, de colesterol total, de lipoproteína de alta densidade (LDL), de lipoproteína de baixa densidade serão analisadas nas amostras de soro sanguíneo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)