Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação das proteínas moduladoras da osteogênese e do perfil inflamatório de pacientes com infarto agudo do miocárdio e indivíduos assintomáticos com calcificação arterial coronária

Resumo

Introdução: A calcificação arterial coronária (CAC) é um marcador de aterosclerose, além de um importante preditor de infarto agudo do miocárdio (IAM). As proteínas moduladoras da osteogênese (PMOs) participam no desenvolvimento e progressão da CAC e podem ser estimuladas pela atividade inflamatória vascular. Entretanto, ainda não se sabe quais PMOs estão mais associadas à CAC, qual seu comportamento após o IAM e qual sua correlação com marcadores de inflamação aterosclerótica. Objetivos: Nossos objetivos serão: (1) Avaliar o comportamento de fase aguda e subaguda das PMOs no IAM; (2) Identificar quais PMOs estão associadas à presença de CAC em indivíduos assintomáticos; e (3) Correlacionar PMOs e marcadores inflamatórios em indivíduos assintomáticos e em pacientes com IAM. Métodos: Trata-se de estudo observacional com desfecho primário transversal. Serão estudados 170 pacientes, divididos em: (1) grupo IAM, n=40; (2) grupo assintomático com CAC (score cálcio>300), n=100; e (3) indivíduos saudáveis (score cálcio=zero), n=30. Todos os pacientes serão submetidos à mensuração sérica de PMOs (osteoprotegerina/RANKL, osteopontina, proteína morfogênica óssea-2, fetuina-A, proteína glutâmica de matriz), marcadores inflamatórios (proteína C-reativa, LDL oxidado, fator de necrose tumoral-alfa e fator de crescimento tumoral-beta) e do perfil metabólico. No grupo IAM esses testes serão repetidos após 30 dias para verificar o comportamento dos marcadores após a fase aguda. Os níveis séricos de PMOs serão comparados: (1) Entre pacientes assintomáticos com CAC e indivíduos saudáveis; (2) entre pacientes com IAM e indivíduos saudáveis; e (3) entre a fase aguda e crônica (30 dias) de pacientes com IAM. Os níveis de PMOs e de marcadores inflamatórios serão correlacionados em todos os grupos, assim como os níveis de PMOs e o escore de cálcio em indivíduos assintomáticos com CAC. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PESARO, ANTONIO E.; KATZ, MARCELO; LIBERMAN, MARCEL; PEREIRA, CAROLINA; MANGUEIRA, CRISTOVAO L. P.; DE CARVALHO, ANA E. Z.; CARVALHO, KARINA S.; NOMURA, CESAR H.; FRANKEN, MARCELO; SERRANO JR, V, CARLOS. Circulating osteogenic proteins are associated with coronary artery calcification and increase after myocardial infarction. PLoS One, v. 13, n. 8 AUG 23 2018. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.