Busca avançada
Ano de início
Entree

Genômica cardiovascular: mechanismos & novas terapias - CVGen mech2ther

Processo: 13/17368-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de fevereiro de 2014 - 31 de janeiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:José Eduardo Krieger
Beneficiário:José Eduardo Krieger
Instituição-sede: Instituto do Coração Professor Euryclides de Jesus Zerbini (INCOR). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo, SP, Brasil
Pesquisadores principais:Alexandre da Costa Pereira
Pesq. associados:Adriana Castello Costa Girardi ; Adriano Mesquita Alencar ; Ayumi Aurea Miyakawa ; Luís Henrique Wolff Gowdak ; Marco Antonio Gutierrez ; Miriam Helena Fonseca-Alaniz ; Pedro Alexandre Favoretto Galante ; Pedro Alves Lemos Neto
Auxílios(s) vinculado(s):16/50439-7 - A systems approach to identify and validate novel therapeutic targets to improve cardiac repair and regeneration following myocardial infarction, AP.R
Bolsa(s) vinculada(s):17/13706-0 - Perfil completo de anticorpos contra t. cruzi e auto-anticorpo na cardiomiopatia chagásica: utilizando tecnologias de phage display e sequenciamento da próxima geração para reavaliar uma hipótese antiga, BP.PD
17/17296-0 - Determinação dos exossomos como os responsáveis pelo efeito cardioprotetor parácrino das células-tronco mesenquimais pós-Infarto Agudo do Miocárdio, BP.DR
17/16910-7 - Modelagem de Monte Carlo de processos de transporte na membrana celular, BP.MS
+ mais bolsas vinculadas 17/05829-4 - Avaliação da influência de fibroblastos sobre a maturação e indução de cardiomiócitos com potencial arritmogênico, BP.MS
17/07024-3 - Avaliação dos benefícios da terapia celular com uso de copolímeros inteligentes a base de proteínas recombinantes no pós-infarto do miocárdio de ratos adultos, BP.PD
17/05352-3 - Caracterização e localização dos genes controladores da pressão arterial pela metodologia ENU, BP.PD
16/23858-9 - Análise genética de pacientes portadores de displasia arritmogênica do ventrículo direito (DAVD) e caracterização funcional em cardiomiócitos diferenciados (iPSC-CM), BP.DD
15/23445-3 - Associação entre doenças crônicas não-transmissíveis, raça e fatores genéticos no Brasil: dissecando disparidades sociais e biologia em doenças cardiovasculares, BE.PQ
14/21646-9 - Caracterização das atividades de células vivas através de técnicas interferométricas: speckle e Microscopia Holográfica Digital, BP.PD
14/24577-8 - Uso de microscaffolds (lockyballs) e cardiomiócitos derivados de iPSC para proteção e reparação cardíaca pós-infarto do miocárdio, BP.PD
14/14086-7 - Transplante de cardiomiócitos derivados de iPSC pós-infarto do miocárdio em modelo suíno, BP.PD
14/15256-3 - Correlação espacial entre presença de variantes genéticas em genes sarcoméricos e cardiomiopatias hereditárias: usando sequenciamento de próxima geração para reavaliar relações genótipo-fenótipo, BP.PD
14/06844-9 - Transição endotélio-mesenquimal durante o remodelamento da arterialização venosa: efeito do estiramento mecânico na plasticidade endotelial, BP.DR
11/19678-1 - Identificação e isolamento de células progenitoras cardíacas usando aptâmeros, BP.PD - menos bolsas vinculadas
Assunto(s):Biomarcadores  Doenças cardiovasculares  Hipertensão  Terapia baseada em transplante de células e tecidos  Doenças genéticas 

Resumo

As doenças Cardiovasculares (DCV) representam um dos maiores problemas de saúde no país e no mundo. Estamos propondo uma abordagem integrada centrada no uso de estratégias genéticas para decompor fenótipos complexos, combinada a determinação dos mecanismos pelos quais variantes genéticas influenciam fenótipos cardíacos e vasculares específicos. Os objetivos principais da proposta são: 1. Identificação de mecanismos associados a gênese das DCVs e 2. Estabelecer terapêuticas mais direcionadas às DCVs. Estes objetivos serão alcançados pelo desenvolvimento de nove projetos que visam 1. A identificação dos determinantes genéticos da hipertensão arterial; 2. Esclarecer os mecanismos pelos quais forças físicas ("shear-stress" e "strain") influenciam a homeostasia vascular e os estados patológicos; 3. Determinar se a capacidade regenerativa cardíaca pode ser modelada terapeuticamente ou substituída por estratégias de terapia celular para impedir a deterioração cardíaca e a progressão da DCV; e 4. Determinar como variantes genéticas influenciam risco CV e desfechos. Assim, uma estratégia ampla catalisará simultaneamente descobertas incrementais e de alto risco que poderão identificar novas maneiras de prever eventos e danos irreversíveis ou melhorar a capacidade reparativa do sistema cardiovascular. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Pós-Doutorado e Doutorado em Cardiologia com Bolsa da FAPESP 
Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio:
Regeneração cardíaca depende de intensa atividade metabólica 
De volta à bancada