Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da influência do polimorfismo genético associado aos peptídeos e receptores da família CRF e do estresse ambiental no desenvolvimento da dependência de álcool

Resumo

A dependência de drogas é um problema mundial e frequente envolvendo jovens e adultos, sendo o álcool a droga mais comumente usada e associada a inúmeros problemas sociais e de saúde. Entretanto, nem todas as pessoas que consomem bebidas alcoólicas se tornam dependentes. A transição do uso ocasional para a dependência é influenciada por reforços positivos (estado de prazer decorrente do uso) e negativos (alívio de sintomas desagradáveis tais como situações de estresse ou depressão ou ainda sintomas de abstinência). Há uma lacuna de conhecimento sobre os fatores responsáveis por esta transição. A dependência de drogas ocorre em uma sequência de eventos: o contato com a droga que pode se tornar cada vez mais frequente, caracterizando-se por uma busca descontrolada (compulsão), com perda do controle da ingestão. Após um período de abstinência, recaídas costumam ocorrer com frequência. Após um período inicial de euforia sob o efeito da droga pode advir um estado emocional negativo caracterizado por disforia, ansiedade e irritabilidade na ausência da substância, manifestando-se assim a síndrome de abstinência. Estes eventos refletem processos de neuroadaptação desencadeados pelo uso crônico da droga, incluindo-se entre eles a tolerância e a sensibilização. Vários sistemas neurotransmissores estão envolvidos neste processo. A ingestão compulsiva de álcool tem sido fortemente associada a alterações nos sistemas de neurotransmissão envolvidos nos processos de recompensa (principalmente dopaminérgico). Pode ocorrer também um recrutamento de mecanismos de reforço negativo envolvendo os processos subjacentes às adaptações ao estresse, com destaque para o aumento da atividade do sistema CRFérgico. O entendimento das bases genéticas subjacentes às alterações nos sistemas de recompensa e estresse pode contribuir para a compreensão dos mecanismos envolvidos no reforço negativo que leva à dependência de álcool e outras drogas. Existem alguns estudos sobre os fatores genéticos envolvidos nos mecanismos de reforço positivo, com destaque para os genes associados aos sistemas dopaminérgico e serotonérgico. Entretanto, há um número limitado de estudos, em seres humanos, sobre a influência do sistema CRFérgico e sua associação com fatores estressantes ambientais na dependência de álcool. Este estudo tem como objetivo estudar a associação entre a presença de polimorfismo em genes associados aos peptídeos e receptores da família CRF, a presença e a percepção de eventos estressantes e a dependência de álcool. Farão parte do estudo 400 indivíduos, sendo 200 pessoas diagnosticadas como dependentes de álcool (na vida) e 200 pessoas não dependentes, pareadas com o primeiro grupo em relação a variáveis sociodemográficas (idade, sexo e etnia). Será analisada a presença de polimorfismo nos genes associados aos peptídeos e receptores da família CRF (CRH, Ucn I, Crf1 e Crf2), o histórico de eventos estressantes na vida através do Life Experiences Survey (LES), a vivência de experiências traumáticas através do Questionário Sobre Traumas na Infância (QUESI), a condição atual de percepção de estresse através da Escala de Estresse Percebido (PSS-10) e quais situações desencadeiam o beber através do Inventário de Situações do Beber (ISB). (AU)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FRIOSI DE CARVALHO, JOYCE KAROLINE; PEREIRA-RUFINO, LAIS DA SILVA; PANFILIO, CARLOS EDUARDO; AMORIM SILVA, REGIANE DIAS; CESPEDES, ISABEL CRISTINA. Effect of chronic alcohol intake on motor functions on the elderly. Neuroscience Letters, v. 745, FEB 6 2021. Citações Web of Science: 0.
CESPEDES, ISABEL CRISTINA; OTA, VANESSA KIYOMI; MAZZOTTI, DIEGO ROBLES; WSCIEKLICA, TATIANA; CONTE, RAFAEL; GALDUROZ, JOSE CARLOS FERNANDES; VARELA, PATRICIA; PESQUERO, JOAO BOSCO; SOUZA-FORMIGONI, MARIA LUCIA OLIVEIRA. Association between polymorphism in gene related to the dopamine circuit and motivations for drinking in patients with alcohol use disorder. PSYCHIATRY RESEARCH, v. 295, JAN 2021. Citações Web of Science: 0.
WSCIEKLICA, TATIANA; LE SUEUR-MALUF, LUCIANA; PREARO, LEANDRO; CONTE, RAFAEL; VIANA, MILENA DE BARROS; CESPEDES, ISABEL CRISTINA. Chronic intermittent ethanol administration differentially alters DeltaFosB immunoreactivity in cortical-limbic structures of rats with high and low alcohol preference. AMERICAN JOURNAL OF DRUG AND ALCOHOL ABUSE, v. 45, n. 3, p. 264-275, MAY 4 2019. Citações Web of Science: 1.
CONTE, RAFAEL; LOBO LADD, FERNANDO VAGNER; BARBOSA LOBO LADD, ALINY ANTUNES; MOREIRA, AMANDA LOPEZ; LE SUEUR-MALUF, LUCIANA; VIANA, MILENA DE BARROS; CESPEDES, ISABEL CRISTINA. Behavioral and stereological analysis of the prefrontal cortex of rats submitted to chronic alcohol intake. Behavioural Brain Research, v. 362, p. 21-27, APR 19 2019. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.